ÔĽŅ


CATEGORIA: Notícias

Um jovem, de 20 anos, foi preso pela Pol√≠cia Civil (PC), ap√≥s a filha dele, de 2 meses de vida, ser encontrada morta deitada na cama junto com ele, em Abadia de Goi√°s, no centro do estado. Segundo a corpora√ß√£o, ele foi autuado por homic√≠dio culposo ‚Äď quando o autor n√£o tem a inten√ß√£o de matar ‚Äď, pagou uma fian√ßa e foi liberado.

O caso aconteceu na tarde de sexta-feira (6). De acordo com a Polícia Civil, pai e filha dormiam quando a mãe chegou para amamentar a neném. A mulher pegou a filha no colo e notou que ela tinha sangue escorrendo do nariz e estava desmaiada.

Como os médicos observaram que o bebê poderia ter sido asfixiado, a Polícia Civil foi chamada. O delegado Vicente Gravina pediu ao Instituto Médico Legal (IML) que fizesse uma perícia preliminar.

Segundo o delegado, está sendo respeitado o espaço da família e amigos para o luto e, na próxima semana, parentes e vizinhos devem ser ouvidos para dar continuidade à investigação.

Foto: Reprodução/TV Anhanguera

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Um levantamento feito pela Associa√ß√£o Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) em parceria com o Ibope mostrou que 79% dos entrevistados gostaria de ter um mercado livre para escolher a sua fornecedora de energia. O percentual √© 10% maior do que o obtido na avalia√ß√£o de 2018. Segundo a Pesquisa de Opini√£o P√ļblica 2019 sobre o que pensa e quer o brasileiro do setor el√©trico, lan√ßada hoje (12) na capital paulista, 68% dos entrevistados trocariam hoje a sua fornecedora de energia.

Os dados revelam que 87% das pessoas consideram sua conta de energia cara, n√ļmero que subiu 4% em rela√ß√£o ao ano passado. Aqueles que consideram excessivos os impostos cobrados em sua conta de luz s√£o 65% e 64% disseram fazer esfor√ßo para economizar energia para n√£o atrapalhar o or√ßamento familiar. Para 57% da popula√ß√£o o custo da energia cairia caso houvesse abertura do mercado.

De acordo com a Abraceel, o objetivo da pesquisa foi o de saber a opini√£o dos cidad√£os sobre a possibilidade de escolher seu fornecedor e at√© mesmo de produzir sua pr√≥pria energia. Foram ouvidas 2.002 pessoas, entre os dias 23 e 27 de maio, de 16 a 55 anos, em todas as regi√Ķes do Brasil. ‚ÄúOs resultados apontam um crescimento constante no interesse do brasileiro em ter liberdade de escolha. O Brasil n√£o pode caminhar na contram√£o do mundo. Pa√≠ses desenvolvidos abriram seus mercados de energia e desfrutam de uma economia e de um crescimento de produ√ß√£o que o nosso mercado tamb√©m merece‚ÄĚ, disse o presidente da Abraceel, Reginaldo Medeiros.¬†

Segundo Reinaldo Medeiros, o mercado livre no Brasil j√° existe, embora restrito a grandes consumidores, que alcan√ßaram uma economia em torno de R$ 185 bilh√Ķes nos √ļltimos 16 anos. (Ag√™ncia Brasil)

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Um colombiano de 56 anos foi preso suspeito de tentar tocar as partes √≠ntimas de uma mulher de 32 anos enquanto ambos viajavam em um √īnibus pela BR-153. A Pol√≠cia Rodovi√°ria Federal em Goi√°s (PRF) recebeu a den√ļncia da v√≠tima, parou ve√≠culo em¬†Porangatu, no norte goiano, e o prendeu, no domingo (28).

Aos policiais que o prenderam, o colombiano disse não ter emprego ou moradia fixos. Além disse, ele argumentou que a vítima o interpretou mal. 

A PRF disse que o √īnibus saiu de Palmas e ia para Goi√Ęnia. Segundo a corpora√ß√£o, a v√≠tima contou que sentiu o homem tocar a perna dela, mas imaginou que pudesse ser um reflexo involunt√°rio enquanto dormia. No entanto, momento depois, ela disse ter sentido a m√£o dele entre as pernas dela tentando tocar suas partes √≠ntimas.

De acordo com a corpora√ß√£o, nesse momento a v√≠tima o impediu e o denunciou √† PRF por meio do 191. Os policiais registraram que, ao pararem o √īnibus, o homem ficou nervoso e tentou pegar uma faca na mochila que levava, mas foi contido.

O homem foi levado à Delegacia de Porangatu e depois foi remetido à Unidade Prisional da cidade. Segundo a Polícia Civil local, o preso deve responder pelo crime de importunação sexual, que não cabe fiança e pode levar a pena de 2 a 5 anos de prisão.

Foto: Divulgação/PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Um homem de 49 anos foi preso suspeito de espancar uma mulher, de 34, dentro da su√≠te de um motel, em¬†Goi√Ęnia. Segundo a Pol√≠cia Civil, ele usou um capacete para dar v√°rios golpes na cabe√ßa da mulher, chegando a desacord√°-la. As agress√Ķes s√≥ cessaram quando a corpora√ß√£o chegou ao local e interveio.

O fato aconteceu no início da noite de quarta-feira (3), num motel situado no Jardim Petrópolis, às margens da GO-060. Detido, o homem foi encaminhado para a Central de Flagrantes.

A v√≠tima foi localizada no ch√£o da su√≠te usando apenas uma calcinha. Segundo a ocorr√™ncia, ela foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital de Urg√™ncias Governador Ot√°vio Lage de Siqueira (Hugol). A unidade de sa√ļde, por√©m, disse que a paciente n√£o deu entrada no local.

De acordo com o delegado Eduardo Carrara, que realizou o flagrante, duas funcionárias conseguiram pedir ajuda após ouvir a mulher gritando por socorro.

“Elas sa√≠ram na rua e, por sorte, estava passando uma viatura da PM. Os policiais foram at√© o quarto, escutaram os gritos e viram as agress√Ķes por uma janela. Eles pediram para o homem abrir, mas como ele se negou, a porta foi arrombada”, disse ao¬†G1.

G1 Tri√Ęngulo Mineiro

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Uma garota de 20 anos de idade foi presa na noite desta sexta-feira(17) na BR 060, em Goi√Ęnia, transportando droga em um √īnibus interestadual.

A jovem que √© moradora de Aparecida de Goi√Ęnia, viajava em um coletivo que faz a rota Goi√Ęnia a Ibotirama/BA, ao fiscalizar o ve√≠culo, a PRF encontrou nas bagagens da mo√ßa 08 kg de maconha.

Segundo informa√ß√Ķes da garota, ela foi contactada por um presidi√°rio, atrav√©s de um agenciador, para que ela transportasse a maconha at√© Santa Maria da Vit√≥ria/BA.

A jovem que está desempregada, informou que pelo serviço receberia um mil reais para entregar o entorpecente na cidade baiana.

A garota foi presa e encaminhada √† Central de Flagrantes local em Goi√Ęnia.

Fonte: PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Um m√©dico de 36 anos morreu em um acidente de tr√Ęnsito na noite desta quinta-feira (8) em Patos de Minas, no Alto Parana√≠ba.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima dirigia uma caminhonete quando foi atingida por um caminhão carregado de adubo no Km 406 da BR-365. O homem ficou preso nas ferragens e morreu no local do acidente.

Conforme a PRF, o caminh√£o teve um defeito mec√Ęnico e perdeu os freios. Por conta do problema, o ve√≠culo desceu na contram√£o de dire√ß√£o e bateu na lateral esquerda da caminhonete. Depois ele ainda atingiu um motel na rodovia.

O caminhoneiro sofreu ferimentos e foi levado ao Hospital Regional Ant√īnio Dias, em Patos de Minas, onde segue internado nesta sexta-feira (8).

Fonte: Tri√Ęngulo Mineiro

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Durante a realização de diligências relativas ao crime de furto de veículo, ocorrido no dia (02/02/19), no bairro Copacabana, equipes da Polícia Militar localizaram o menor suspeito da autoria do ato infracional no bairro Pontal Norte.

Com o menor foram localizadas algumas por√ß√Ķes de entorpecentes. Questionado sobre a motocicleta o menor admitiu t√™-la furtado, levando os policiais ao local em que estava o ve√≠culo.

O menor de 16 anos possui antecedentes de atos infracionais análogos aos crimes de tráfico de entorpecentes e receptação.

Autor, entorpecente e veículo foram encaminhados à delegacia Central de Flagrantes.

Fonte: Polícia Militar

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

O promotor de Justi√ßa Lucas Arantes Braga prop√īs hoje (28/9)¬†a√ß√£o de improbidade administrativa¬†contra o presidente da Ag√™ncia Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincon, e outros seis acionados, al√©m da empresa KM Engenharia Limitada, por irregularidades envolvendo a m√° qualidade do asfalto da rodovia GO-305, no trecho entre Goiandira e a Rodovia GO-330. S√£o tamb√©m r√©us na a√ß√£o Kl√©ber Tavares Barreto, Jos√© Marcos de Freitas Musse, Lourival Caixeta, Jos√© Francisco Marques Primo, Wanderley David de Souza e Luiz Carlos Garcia. Rincon foi preso hoje em opera√ß√£o da Pol√≠cia Federal pelo MPF.

Segundo apontado na ação, a Agetop firmou contrato com a empresa em 2014 para execução dos serviços de terraplanagem e pavimentação asfáltica da rodovia GO-305, no trecho entre Goiandira e a GO-330, com extensão de 15,200 km, no qual se estipulou o pagamento de R$ 3.296.799,26 pela execução da obra. Pelo contrato, a empresa ficaria responsável, pelo prazo de 5 anos, pela solidez e segurança da obra e dos materiais especialmente nos casos de defeitos como buracos, recalques, falhas de bico. A empresa ficaria ainda responsável por toda a sinalização da via, tanto vertical, quanto horizontal.

No entanto, n√£o somente o Minist√©rio P√ļblico, mas tamb√©m o Tribunal de Contas do Estado (TCE) constataram diversas irregularidades no cumprimento do contrato. An√°lises t√©cnicas feitas por engenheiros do tribunal e tamb√©m vistorias realizadas pelo oficial da promotoria constataram diversas irregularidades relacionadas √† m√° execu√ß√£o e qualidade da obra e √† falta de sinaliza√ß√£o e licen√ßa ambiental.¬†

Ocorre que, apesar dos diversos defeitos na pista constatados pela fiscaliza√ß√£o do TCE, do Minist√©rio P√ļblico e da pr√≥pria Agetop, a empresa KM Engenharia Ltda. solicitou √† Agetop que, ap√≥s os reparos, emitisse o termo de recebimento de obra (TRO) com efeitos retroativos, o que caracterizaria n√≠tido ato ilegal capaz de prejudicar e dispensar o prazo de garantia de cinco anos. Mesmo assim, este pedido foi acatado pelo diretor de obras rodovi√°rias da Agetop, Jos√© Marcos Musse, em 2012.

Para o promotor, restou cabalmente demonstrado que, em raz√£o das diversas irregularidades praticadas pelos requeridos, a obra apresentou graves problemas estruturais e foi constru√≠da sem a devida licen√ßa ambiental e sem a sinaliza√ß√£o de tr√Ęnsito, tendo sido a empresa dispensada da obriga√ß√£o contratual de garantir a qualidade dos servi√ßos pelo prazo de 5 anos, devendo, portanto, restituir os valores estabelecidos no contrato (R$ 3.296.799,26) e no aditivo (R$ 1.319.613,58), devidamente corrigidos.

Desse modo, é pedida na ação a condenação dos réus na reparação do dano ao erário, no valor R$ 4.616.412,84, corrigido monetariamente. (Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO- Fotos: Promotoria de Goiandira)  

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

No prazo de doze dias, dois beb√™s foram¬†assassinados pelos pr√≥prios pais em Goi√°s. O primeiro caso ocorreu no dia 1¬ļ de setembro, em¬†Aparecida de Goi√Ęnia, quando o pai de um rec√©m-nascido o lan√ßou contra a parede ap√≥s se irritar com o choro da crian√ßa. J√° o outro crime, com ‚Äúmotiva√ß√£o‚ÄĚ semelhante, ocorreu na madrugada desta quarta-feira (12/9) em¬†Luzi√Ęnia, entre Goi√°s e o Distrito Federal.

Os casos chocam pela crueldade, porque al√©m de se tratar de beb√™s indefesos, as crian√ßas foram mortas em momentos de ‚Äúf√ļria‚ÄĚ dos pr√≥prios pais. Outro fator de semelhan√ßa entre as mortes √© que nos dois casos os homens discutiam com as mulheres, m√£es das crian√ßas, dado que mostra a incid√™ncia de¬†viol√™ncia dom√©stica.

Beb√™s assassinados pelos pr√≥prios pais em Goi√°s: caso Aparecida de Goi√Ęnia

No dia 1¬ļ de setembro,¬†um homem 27 anos, foi preso em flagrante na¬†Unidade de Pronto Atendimento (UPA)¬†Brasicon, para onde a crian√ßa foi encaminhada ap√≥s o crime, ocorrido no Bairro Expansul.

O homem confessou ter arremessado o próprio filho contra a parede durante uma discussão com a mãe da criança. Uma criança de 54 dias de vida, chegou a ser atendido por médicos da UPA, mas não resistiu aos ferimentos causados pela agressão.

O suspeito foi preso pela Guarda Civil Municipal (GCM) de Aparecida de Goi√Ęnia,¬†confessou ainda que estava b√™bado, mas n√£o tinha inten√ß√£o de matar o beb√™. Ele contou √† Guarda que jogou a crian√ßa contra a parede, mas que n√£o foi ‚Äúmuito alto‚ÄĚ, e que no momento do crime ‚Äún√£o sabe o que passou pela cabe√ßa‚ÄĚ.

O pai foi autuado por homic√≠dio qualificado por motivo f√ļtil. Dois dias ap√≥s o crime, no dia 3 de setembro, o homem passou por¬†audi√™ncia de cust√≥dia¬†na 4¬™ Vara Criminal da Comarca do munic√≠pio, presidida pelo juiz Leonardo Fleury Curado Dias, que decidiu manter Walison preso preventivamente at√© o fim das investiga√ß√Ķes.

Beb√™s assassinados pelos pr√≥prios pais em Goi√°s: caso Luzi√Ęnia

O segundo caso ocorreu na madrugada de hoje (12/9), no Jardim Ing√°, em Luzi√Ęnia.¬†Um homem, de 25 anos, atirou contra o peito do pr√≥prio filho durante uma discuss√£o com a m√£e do beb√™, depois de tamb√©m ter se irritado com o choro. Assim como¬†W., ele tamb√©m foi preso em uma¬†¬†UPA, ao levar a crian√ßa, j√° sem vida, para receber atendimento m√©dico.

A m√£e da crian√ßa de 20 anos, contou √† pol√≠cia¬†que tentou impedir a morte do filho. De acordo com ela, tudo aconteceu ap√≥s negar a manter rela√ß√Ķes sexuais com o suspeito, que enfurecido a amea√ßou e em seguida atirou no beb√™, que estava no ber√ßo, com uma¬†garrucha calibre 22.

O suspeito confessou o crime, foi preso em flagrante e deve passar por audiência nesta quinta-feira (13/9). Já a conduta de J., liberada após o depoimento, será investigada para saber se ela participou do crime.

Fonte: Portal Dia Online

 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

A Petrobras anunciou hoje (7) uma nova redução no preço da gasolina. A partir da amanhã, o combustível ficará 0,49% mais barato nas refinarias da estatal, passando a custar R$ 1,9521 o litro. Hoje, a gasolina está sendo negociada nas refinarias a R$ 1,9617.

Essa é a quarta queda consecutiva de preços anunciada pela empresa. Desde 2 de junho, quando o litro custava R$ 2,0113, o preço da gasolina já acumula uma redução de quase 6 centavos, ou seja, de 2,94%.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Todo o rebanho de bovinos e bubalinos em Goiás deve ser vacinado até o dia 31 deste mês.

A vacinação contra a raiva é obrigatória em 121 municípios do Estado para caprinos, ovinos, equídeos, bovinos e bubalinos.

Após vacinar o rebanho, o responsável deve declarar a ação em um escritório da Agrodefesa, que pode ser da sua região ou pelo site: www.agrodefesa.go.gov.br

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA