19 de fevereiro de 2018

Volume do Lago Azul chega a 15,4%

CATEGORIA: Notícia

Lago Azul, localizado no munic√≠pio de Tr√™s Ranchos, Sudeste do Estado, atingiu no m√™s de fevereiro o n√≠vel de 15,4% de sua capacidade, o menor dos √ļltimos tr√™s anos. A quantidade de √°gua no reservat√≥rio caiu mais que a metade em rela√ß√£o ao mesmo per√≠odo do ano passado, quando o volume registrado foi de 37,3%. Em fevereiro de 2016, o n√≠vel de √°gua registrado foi de 43,5%. J√° no ano de 2015 a situa√ß√£o foi pior que em 2018, pois o n√≠vel da √°gua chegou a 14,8%.

Abastecido pelo Rio Paranaíba, o Lago Azul é o reservatório da Usina Hidrelétrica de Emborcação e está localizado na divisa entre Goiás e Minas Gerais. A hidrelétrica começou a operar em 1982, atualmente é administrada pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e é responsável por parte da energia elétrica gerada para abastecimento do estado vizinho.

Engenheiro de Planejamento Energ√©tico da Cemig, Ivan S√©rgio Carneiro afirma que a baixa no reservat√≥rio √© consequ√™ncia da pouca chuva do ano passado. ‚ÄúO mesmo aconteceu em 2014 e trouxe consequ√™ncias parecidas no ano seguinte. J√° 2016 e 2017 mostraram recupera√ß√£o, mas em 2018 o volume voltou a diminuir‚ÄĚ, explica Carneiro. A situa√ß√£o, diz o engenheiro, n√£o √© alarmante e a expectativa √© que neste ano o volume de chuva seja suficiente para elevar o n√≠vel do reservat√≥rio.<

Além da questão hídrica, Carneiro também destaca que atualmente são construídas poucas hidrelétricas com reservatório, como a de Emborcação, em que a água da chuva é represada para uso no período de seco. O investimento maior tem sido nas usinas fio d’água, em que o reservatório é menor, insuficiente para permitir a regularização do rio. Com isso, a produção de energia é inconstante dependendo da variação da vazão.

Carneiro explica que existe prioridade para construção de usinas fio d’água, porque são mais baratas e quase não precisam de documentação e estudos de impacto ambiental. O Brasil tem 69 hidrelétricas com reservatório, 85 a fio d’água e quatro por bombeamento. Além disso, são quatro a fio d’água em construção e uma com reservatório.

Turismo

Em Tr√™s Ranchos, o Lago Azul √© a principal atra√ß√£o tur√≠stica e a baixa do n√≠vel da √°gua prejudica a economia local. De acordo com o presidente da Associa√ß√£o dos Locadores do lago Azul (ALA), Waldemar da Pir√Ęmide, os turistas que t√™m visitado a cidade nos √ļltimos meses possuem poder aquisitivo menor. ‚ÄúEm rela√ß√£o ao m√™s de fevereiro de 2016, tivemos que reduzir o pre√ßo dos alugueis em pelo menos 50%‚ÄĚ, afirma o presidente.

A secret√°ria de Turismo de Tr√™s Ranchos, Cl√≠cia Santos Feitosa, afirma que com o recuo do lago a Prefeitura est√° tentando trazer o turista para dentro da cidade. ‚ÄúEstamos investindo em shows e som automotivo dentro da cidade. Tamb√©m foi constru√≠da uma praia artificial na orla do rio‚ÄĚ, lembra Cl√≠cia.

Expectativa

Responsável pelas regras seguidas por todas as empresas de geração de energia elétrica do País, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou, em nota, que o baixo nível do reservatório de Emborcação se deve, principalmente, à crise hídrica pela qual o País passou em 2017. A expectativa é que no Centro-Oeste e Sudeste os reservatórios cheguem a 36,6% da capacidade no fim de fevereiro.

Fonte: O popular

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

O elevador que despencou na cidade de Catal√£o, funcionava em uma casa de dois andares de um bairro novo, setor Cidade Jardim, nas proximidades da sa√≠da para Goi√Ęnia. Na casa estavam um casal, uma mulher de 21 anos de idade e um homem de 35 anos de idade, dono da casa, que estavam na resid√™ncia e resolveram subir por volta das 21 horas, momento em que o elevador despencou.¬†

Segundo o médico que atendeu as vítimas na Santa Casa de Catalão, disse em entrevista a uma equipe de TV de Catalão, que a queda foi de aproximadamente 4 metros de altura, o que provocou ferimentos graves no casal, mais grave ainda na jovem de 21 anos de idade que teve que ser transferida para um hospital da capital goiana. 

‚ÄúEle (dono da casa) chegou com ferimento profundo no ate-bra√ßo direito e hoje foi submetido a um procedimento cir√ļrgico devido as estruturas, tend√Ķes que atingiu. Ela (jovem de 21 anos), teve um trauma grav√≠ssimo na regi√£o lombar com fratura de L1, e teve que ser transferida ontem mesmo o servi√ßo de neurocirurgia do Hospital de Urg√™ncias de Goi√Ęnia (Hugo).

Segundo a informa√ß√£o da equipe do Samu e outras informa√ß√Ķes dos pr√≥prios pacientes, que afirmaram que foi um elevador residencial que despencou de uma altura a√≠ de aproximadamente quatro, cinco metros‚ÄĚ, explicou o m√©dico da Santa Casa de Catal√£o, Fl√°vio Cordeiro do Vale, em entrevista a rep√≥rter Helen Pontes da TV Anhanguera.¬†

Na casa, não foi construído nenhuma escada, ou seja, para ter acesso a parte superior da residência somente utiliza-se somente o elevador que causou a tragédia. 

Fonte: Blog do Badiinho

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

O¬†padrasto denunciado por abusar da enteada de 12 anos em Aparecida de Goi√Ęnia, regi√£o metropolitana da capital, foi preso nesta quarta-feira (14). Ele, que tem 61 anos, foi localizado em Ipameri, cidade a 206 km de dist√Ęncia. O caso veio √† tona depois de a m√£e da menina desconfiar do comportamento dele, esconder o celular em um c√īmodo da casa onde a fam√≠lia morava e gravar o crime.

A delegada de Prote√ß√£o √† Crian√ßa e ao Adolescente de Aparecida de Goi√Ęnia, Caroline Borges, disse, por volta de 11h desta quinta (15), que aguardava a chegada do idoso √† cidade para poder comentar o caso. A pris√£o contou com apoio de policiais militares.

A den√ļncia

Em entrevista √† TV Globo, a delegada Ilda Helbingen ‚Äď que atendeu √† m√£e da v√≠tima na hora da den√ļncia ‚Äď disse que a desconfian√ßa surgiu porque o padrasto tentava ‚Äúagradar muito‚ÄĚ a adolescente. Ele n√£o tinha o mesmo comportamento com os outros tr√™s filhos da mulher. Todos s√£o de um relacionamento anterior.

Ainda no relato da m√£e, ela viu o homem tocando as partes √≠ntimas da filha e foi confront√°-lo com a grava√ß√£o. Na ocasi√£o, segundo ela, o¬†homem ‚Äúargumentou que sabia que estava errado e que havia sido apenas ‚Äėum vacilo‚Äô¬†e que aquilo n√£o iria acontecer novamente‚ÄĚ. Em seguida, ela disse a ele que se mudasse da casa onde os dois moravam e ele foi embora.

A m√£e da v√≠tima disse ainda, tamb√©m em depoimento, que questionou a filha sobre os abusos e a menina admitiu ‚Äúque j√° havia muito tempo que o padrasto abusava-lhe‚ÄĚ, no entanto, ela n√£o soube dizer h√° quanto tempo.

Pedido de punição

Desde que a den√ļncia foi feita, o casal rompeu. ‚ÄúSe ele n√£o pagar agora ou alguma coisa, mais para frente, ele pode fazer de novo, com outra v√≠tima, outra pessoa, outra crian√ßa. √Č dif√≠cil, uma dor no peito, parece que n√£o acaba‚ÄĚ, disse a m√£e da adolescente.

Fonte: G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A Polícia Rodoviária Federal РPRF promoveu, entre 00:00 de 09/02 e 23:59 de 14/02, um reforço concentrado no policiamento em locais e horários de maior incidência de acidentes graves, de acordo com estudos estatísticos, para garantir a segurança dos usuários das rodovias federais.

O objetivo principal foi alcan√ßado, uma vez que, nenhum acidente grave foi registrado durante a opera√ß√£o no trecho da BR 050 sob responsabilidade da PRF em Catal√£o. Para tanto, todo efetivo foi empenhado, inclusive em hor√°rios de folga e ainda com refor√ßo de policiais de Goi√Ęnia.

O resultado foi uma fiscaliza√ß√£o intensa, com presen√ßa de equipes por todo o trecho, no intuito de evitar acidentes e coibir as infra√ß√Ķes de tr√Ęnsito, principalmente aqueles que potencializam a gravidade dos acidentes. Neste √Ęmbito foram aplicadas 868 “multas”, sendo 360 somente de excesso de velocidade e 102 por ultrapassagem proibida.

Todo condutor abordado foi submetido ao teste de “baf√īmetro” e seis foram reprovados e pagar√£o R$ 2934,70 de multa e poder√£o ter o direito de dirigir suspenso por um ano. Um deles estava com √≠ndice de √°lcool considerado crime, foi preso e pagou fian√ßa de R$ 400,00 para n√£o ser levado ao pres√≠dio.

A√ß√Ķes educativas atingiram 750 pessoas durante este carnaval com foco na conscientiza√ß√£o para uma condu√ß√£o segura.

Fonte: PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Chega ao fim à meia-noite deste sábado (17) o horário de verão iniciado em outubro passado. Com a volta do horário normal, os relógios devem ser atrasados em uma hora.

A próxima edição do horário de verão deve começar mais tarde do que o habitual. Isso porque, no fim de 2017, o presidente Michel Temer assinou um decreto que diminui a duração do horário especial, transferindo o começo de outubro para novembro. A data de encerramento continuará no terceiro domingo de fevereiro de cada ano.

A decis√£o do presidente surgiu a partir de um pedido do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, que solicitou que o hor√°rio de ver√£o de 2018 tivesse in√≠cio somente ap√≥s o segundo turno das elei√ß√Ķes, em 4 de novembro ‚ÄĒ a vota√ß√£o ser√° em 28 de outubro. Segundo o TSE, a mudan√ßa pedida pelo ministro visa evitar atrasos na apura√ß√£o dos votos e na divulga√ß√£o dos resultados do pleito.

Um dos exemplos citados pelo tribunal foi o Acre, onde as urnas s√£o fechadas tr√™s horas depois da contagem de votos j√° ter sido iniciada nas regi√Ķes Sul, Sudeste e parte do Centro-Oeste. Atualmente, adotam o hor√°rio de ver√£o os Estados de S√£o Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Esp√≠rito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paran√°, Goi√°s, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Fim da iniciativa foi analisado pelo governo

Antes da decis√£o de encurtar a dura√ß√£o do hor√°rio de ver√£o, o governo cogitou p√īr fim ao per√≠odo. A possibilidade foi levantada depois que um estudo do Minist√©rio de Minas Energia apontou queda na efetividade da medida, j√° que o perfil do consumo de eletricidade n√£o estava mais ligado diretamente ao hor√°rio, mas, sim, √† temperatura.¬†

O levantamento apontou que a adoção da hora adiantada na época mais quente do ano não resulta mais em economia porque não há relação direta com a redução de consumo e a demanda. O governo passou a discutir o cancelamento do horário de verão neste ano, mas a falta de tempo hábil para consultar a população sobre o assunto adiou a decisão.

Os relatórios do governo apontam que a temperatura é o que mais influencia os hábitos do consumidor, e não a incidência da luz durante o dia. Segundo o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, o pico de demanda atualmente ocorre no início da tarde, entre 14h e 15h, quando a temperatura está mais alta. 

Em 2016, de acordo com dados do Minist√©rio de Minas e Energia, o hor√°rio de ver√£o durou 126 dias e gerou uma economia de R$ 159,5 milh√Ķes ao sistema. Mas o custo √© considerado irrelevante para o setor. O secret√°rio executivo do Minist√©rio de Minas e Energia, Paulo Pedrosa, disse que, para o governo, a aplica√ß√£o da iniciativa se aproxima da neutralidade. Em contrapartida, ele afirma que, para a sociedade, a impress√£o √© de que a altera√ß√£o traz benef√≠cios.

Zero Hora

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

No feriado de Carnaval, a Agetop restringe a circula√ß√£o de ve√≠culos pesados em trechos que levam a pontos tur√≠sticos de Goi√°s. O objetivo √© garantir seguran√ßa e conforto aos usu√°rios das rodovias estaduais neste per√≠odo, quando aumenta o fluxo de ve√≠culos de passeios e √īnibus.

A medida, definida em portaria da Presid√™ncia do √≥rg√£o, determina restri√ß√£o de tr√Ęnsito dos caminh√Ķes no s√°bado (10), durante todo o dia, na ter√ßa-feira (13), das 7 horas √†s 20 horas, e na quarta-feira (14), das 7 horas √†s 12 horas.¬†A restri√ß√£o n√£o se aplica ao transporte de cargas perec√≠veis, como leite e derivados, frutas, verduras e produtos frigor√≠ficos.

Est√£o proibidos de trafegar em 10 trechos os ve√≠culos de transporte de cargas superior a tr√™s eixos, caminh√Ķes tipo bitrem sete eixos, romeu e julieta, rodo-trem, treminh√£o, bi-trem nove eixos, cegonheira, linha de eixos ou qualquer combina√ß√£o de ve√≠culos que exijam escolta. O descumprimento da restri√ß√£o gera multa e cinco pontos na carteira do motorista, penalidades previstas no C√≥digo de Tr√Ęnsito Brasileiro.

Confira os trechos com restrição:

GO-020 Entroncamento GO-147 (trevo para Piracanjuba)/Entroncamento GO-139 (Cristianópolis)

GO-217 Entroncamento BR-153/Piracanjuba/Entroncamento GO-139

GO-139 Entroncamento GO-020 (Cristianópolis)/Entroncamento GO-217/Caldas Novas/Corumbaíba/Divisa GO-MG

GO-213 Ipameri/Caldas Novas

GO-330 Vianópolis/Pires do Rio/Catalão/Três Ranchos

GO-431 BR-153/Pirenópolis

GO-338 Entroncamento BR-060 (Abadi√Ęnia)/Planalmira/Piren√≥polis

GO-225 Entroncamento BR-414 (Corumbá)/Pirenópolis

GO-070 Itauçu/Cidade de Goiás

GO-010¬† GO-139 Luzi√Ęnia/Vian√≥polis/Cristian√≥polis/Entroncamento GO-217 (Piracanjuba)

Fonte: Mais Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Policiais e bombeiros passar√£o a receber um b√īnus pelo cumprimento de mandados de pris√£o ou apreens√£o durante ocorr√™ncias em Goi√°s. O valor √© de R$ 300 por equipe. Segundo a Secretaria de Seguran√ßa P√ļblica, o benef√≠cio visa estimular os agentes e permitir a integra√ß√£o das institui√ß√Ķes para a redu√ß√£o da criminalidade no estado.

A portaria n√ļmero 86 foi publica no Di√°rio Oficial na segunda-feira (6) e regulamenta a concess√£o da Indeniza√ß√£o de Produtividade Extraordin√°ria Individual. De acordo com o documento assinado pelo secret√°rio de Seguran√ßa, Ricardo Balestreri, ela abrange policiais civis, militares, t√©cnico-cient√≠ficos e bombeiros.

Pagamento

O pagamento será feito aos agentes que participarem diretamente da ação policial que resultou no cumprimento de mandados pelos crimes de homicídio, tentativa de homicídio, latrocínio, estupro, tráfico de drogas, roubo de veículo e organização e associação criminosa. A indenização também será paga pela capturas de foragidos do sistema prisional.

Conforme a portaria, o valor n√£o ser√° repassado quando os mandados estiverem no nome de pessoas que j√° se encontram presas em cadeias ou delegacias.

A portaria explica que os R$ 300 serão divididos entre os integrantes da operação. Por mês, o limite será de R$ 1 mil por agente, não podendo ser acumulado para o mês seguinte. Além disso, cada servidor poderá receber, no máximo, R$5 mil de indenização por ano.

Fonte: G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Seis rodovias estaduais ser√£o equipadas com pra√ßas de ped√°gios. A decis√£o se deu ap√≥s o governador Marconi Perillo (PSDB) sancionar, na √ļltima segunda-feira (5), lei que d√° ao Poder Executivo o direito de conceder trechos das GOs 010, 020, 060, 070, 080 e 213 √† iniciativa privada.

De acordo com o texto publicado no Di√°rio Oficial do Estado nesta quarta-feira (7), as concession√°rias vencedoras da licita√ß√Ķes ficar√£o respons√°veis pelos servi√ßos de opera√ß√£o, manuten√ß√£o, conserva√ß√£o, monitoramento e implanta√ß√£o de obras de infraestrutura e outra melhorias nas rodovias privatizadas.

Veja os trechos que ser√£o privatizados

Rodovia

Trecho

Total de Km’s

GO-010

Goi√Ęnia- Entrocamento com a GO-330

54

GO-020

Goi√Ęnia/Bela Vista/Cristian√≥polis/Pires do Rio/Catal√£o

251

GO-060

Goi√Ęnia/S√£o Lu√≠s de Montes Belos/Ipor√°/Piranhas

309

GO- 070

Goi√Ęnia/cidade de Goi√°s

118

GO-080

Goi√Ęnia/S√£o Francisco de Goi√°s (entroncamento da BR-153)

91

GO- 213

Morrinhos/Caldas Novas

61

O entre Cristianópolis e Pires do Rio deverá ser duplicado em cinco anos. Já o prazo de duplicação do trecho entre São Luís dos Montes Belos e Iporá será de seis anos. Oito anos será o limite para a realização da duplicação entre Pires do Rio e Catalão.

A concess√£o do trecho da GO-080 fica condicionado √† realiza√ß√£o de uma nova rodovia, pela concession√°ria vencedora, entre a BR-153 e a GO-080. As pra√ßas de ped√°gios t√™m que ficar em um limite superior a 30 quil√īmetros de dist√Ęncia entre uma e outra, a partir da divisa de Goi√Ęnia com os demais munic√≠pios.

Ainda de acordo com a publica√ß√£o, o governo de Goi√°s, por meio da Ag√™ncia Goiana de Transportes e Obras P√ļblicas (Agetop), ficar√° respons√°vel pela realiza√ß√£o e organiza√ß√£o do certame licitat√≥rio, bem como a fiscaliza√ß√£o sobre os servi√ßos realizados nas rodovias. Os contratos ter√£o validade de 35 anos e poder√£o ser renovados caso atendam as exig√™ncias estabelecidas pelo governo.

Preço

O texto n√£o cita o valor espec√≠fico, mas ressalta que as tarifas e regras de ajustes e revis√£o ser√£o fixadas nas conformidades do edital. Na publica√ß√£o, fala-se tamb√©m que os reajustes se dar√£o anualmente e que variar√£o de acordo com as fun√ß√Ķes, caracter√≠sticas e dos custos espec√≠ficos dos servi√ßos de cada rodovia. O estado de conserva√ß√£o da rodovia tamb√©m pesar√° no reajuste.

Fonte: Mais Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

O Corpo de Bombeiros Militar vai intensificar as a√ß√Ķes durante a Opera√ß√£o Carnaval 2018, em Goi√°s.¬†A partir desta sexta-feira (9), equipes partem de Goi√Ęnia para diversas cidades do interior do Estado para refor√ßar a seguran√ßa dos foli√Ķes nos principais pontos tur√≠sticos.

O foco da opera√ß√£o ser√° no trabalho educativo¬†para sensibilizar os foli√Ķes a n√£o estragarem a festa. A ideia √© que pequenos cuidados podem evitar grandes trag√©dias. Segundo o coordenador da opera√ß√£o, Tenente Coronel Michelsen Rodrigues de Faria, o refor√ßo do efetivo ser√° enviado para os munic√≠pios que solicitaram apoio, al√©m dos locais onde o feriado prolongado √© comemorado tradicionalmente em Goi√°s como Caldas Novas, S√£o Sim√£o, Aruan√£ e Tr√™s Ranchos.

‚ÄúOs bombeiros militares ser√£o distribu√≠dos em postos avan√ßados montados √† beira de lagos, represas e rios, onde se observa uma grande concentra√ß√£o de turistas e ser√£o utilizadas embarca√ß√Ķes como canoas e motos n√°uticas, al√©m dos equipamentos de seguran√ßa obrigat√≥rios como coletes salva-vidas e boias‚ÄĚ, explicou.

O comandante disse ainda que todos os quart√©is do Estado, em especial das cidades tur√≠sticas, estar√£o empenhados em garantir a seguran√ßa dos foli√Ķes durante todo feriado. A maior preocupa√ß√£o ainda √© o afogamento. ‚ÄúNo per√≠odo de folia, a combina√ß√£o bebida e mergulho torna-se mais recorrente e √© uma mistura altamente perigosa‚ÄĚ.

Prevenção

A experi√™ncia dos anos anteriores mostra que quase todas as mortes nos balne√°rios poderiam ter sido evitadas, j√° que a causa da maioria dos afogamentos √© a imprud√™ncia da v√≠tima ou de algu√©m que a acompanhava. ‚ÄúO perfil das v√≠timas de afogamento √© jovem, do sexo masculino, de 18 a 30 anos. Boa parte consome bebida alco√≥lica antes de entrar na √°gua ou n√£o respeita faixas de conten√ß√£o‚ÄĚ, disse Michelsen.

Em 2016 foram registradas cinco mortes e em 2017, os bombeiros registraram tr√™s mortes por afogamento durante o Carnaval, em Goi√°s. ‚ÄúEssas mortes ocorreram em locais privados onde os bombeiros n√£o tiveram acesso. Para evit√°-las, est√£o sendo distribu√≠dos flyers com dicas de seguran√ßa para a popula√ß√£o‚ÄĚ, afirmou.

Al√©m disso, est√£o sendo realizadas palestras educativas nas escolas, aulas pr√°ticas sobre preven√ß√£o de afogamentos para o p√ļblico externo, orienta√ß√Ķes aos turistas, sinaliza√ß√£o com placas para avisar local de risco de afogamento, delimita√ß√£o de √°rea de banhistas nos principais rios e lagos, al√©m de campanha educativa em redes sociais e r√°dios com √°udios e v√≠deos sobre cuidados com afogamentos.

Fonte: Mais Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Um torcedor do Goi√°s foi morto a tiros na tarde deste s√°bado (3) na Avenida Anhanguera, em Goi√Ęnia. Segundo a Guarda Civil Metropolitana (GCM), Lucas Pereira Neves, de 24 anos, foi baleado ap√≥s atirar contra um √īnibus com torcedores do Vila Nova que seguiam para¬†o cl√°ssico entre os times.

“O torcedor do Goi√°s foi baleado depois de atirar contra o √īnibus.

Ainda n√£o podemos afirmar quem s√£o as pessoas que atiraram, mas a Pol√≠cia Civil estar√° fazendo as devidas investiga√ß√Ķes para apurar o crime”, disse ao¬†G1¬†o comandante da GCM, Valdison Batista.

Lucas foi socorrido e levado ao Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol). Ele morreu logo depois.

De acordo com a GCM, a v√≠tima estava armada com um rev√≥lver calibre 38 e tinha quatro passagens pela pol√≠cia. Lucas tinha uma tatuagem no abd√īmen da For√ßa Jovem, torcida organizada do Goi√°s Esporte Clube.

A Metrobus, respons√°vel pelo Eixo Anhanguera, informou que o √īnibus que levava os torcedores ficou destru√≠do. Segundo as Rondas Ostensivas Municipais (Romu), a depreda√ß√£o ocorreu porque passageiros entraram em p√Ęnico com o tiroteio. ‚ÄúO pessoal, no desespero, pulou, quebrou para sair dos tiros‚ÄĚ, disse o supervisor Romu, Rodrigo Teixeira da Mata.

O crime foi registrado na Central de Flagrantes da Polícia Civil. De acordo com a corporação, o policiais solicitaram o exame cadavérico e já ouviram um parente da vítima.

Fonte: G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A Polícia Militar de Goiás (PMGO) encerra o primeiro mês de 2018 com aumento na quantidade de armas de fogo apreendidas e de foragidos recapturados, contabilizando, em relação ao mesmo período do ano passado, um aumento de 6% e de 28%, respectivamente.

Em compara√ß√£o com os 31 primeiros dias de 2017, o primeiro m√™s de 2018 chegou ao fim com com um total de 1670 Kg de drogas apreendidos, e o quantitativo de 447 armas de fogo retiradas de circula√ß√£o. Esse n√ļmero traduz uma m√©dia de 15 armas de fogo retiradas por dia das ruas do Estado de Goi√°s, trabalho este que implica na preserva√ß√£o de in√ļmeras vidas.

Além disso, foram recapturados, em janeiro de 2018, um total de 577 foragidos da justiça, o que corresponde a uma média de 20 mandados de prisão cumpridos por dia em Goiás.

Fonte: Goi√°s Agora

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA