ÔĽŅ


CATEGORIA: Notícia

A equipe da 4¬™ Delegacia Distrital de Pol√≠cia (DDP) de Goi√Ęnia realizou, nesta ter√ßa-feira (21), a Opera√ß√£o Escobar contra um grupo criminoso de agiotas que atuava em Goi√Ęnia e Aparecida de Goi√Ęnia. Foram cumpridos 8 mandados de busca e apreens√£o, apreendidos 20 celulares e R$ 15 mil em notas de real, d√≥lar, bol√≠var e peso colombiano.

A investigação começou há cerca de 6 meses e identificou um esquema controlado por pessoas estrangeiras, em especial colombianos. Eles são suspeitos de praticar os crimes de agiotagem, extorsão, estelionato e lavagem de dinheiro contra milhares de vítimas que contraíram empréstimos.

O grupo atuava h√° quase 3 anos. Os autores procuravam pequenos comerciantes ‚Äď como donos de sal√£o de beleza e chaveiro ‚Äď ofereciam empr√©stimos sem comprova√ß√£o nem garantia e exigiam que a pessoa pagasse j√° no dia seguinte, com juros que, ao final do m√™s, ultrapassam 30%. O grupo criminoso operava ainda uma esp√©cie de loteria ilegal que fazia sorteios, vendendo bilhetes que custavam at√© R$ 4,00 para pr√™mios de R$ 500. Os pagamentos, por√©m, eram fraudados e as pessoas n√£o recebiam os valores dos pr√™mios.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Regina Maria da Silva foi morta dentro do carro do namorado em Rio Verde ‚ÄĒ Foto: Reprodu√ß√£o/TV Anhanguera

Um caminhoneiro de 52 anos foi preso na segunda-feira (20) suspeito de¬†matar a ex-mulher dentro do carro do atual namorado dela, em Rio Verde. A principal suspeita √© que ele tenha agido por ci√ļmes da v√≠tima, que estava em um novo relacionamento. Em depoimento, ele confessou o crime.

A comerciante Regina Maria da Silva, de 48 anos, foi morta no dia 9 de dezembro do ano passado. Ela estava no carro do namorado na frente de uma pizzaria. Desde então, o suspeito do crime, Edemilson Florêncio dos Santos, de 52 anos, estava foragido. Porém, na tarde de segunda-feira, ele se apresentou espontaneamente à Polícia Civil.

‚ÄúEle confessou que n√£o aceitava o fim do relacionamento, os dois foram casados por 10 anos e, durante esse per√≠odo, terminaram e voltaram v√°rias vezes. Ele j√° chegou a ser preso por agredi-la, usou tornozeleira por 11 meses‚ÄĚ, disse o delegado Danilo Fabiano.

A defesa do suspeito disse que, ao se apresentar, o homem tamb√©m apresentou a arma usada no dia do crime e refor√ßou que o motivo do crime foi o fato do cliente n√£o aceitar o fim do casamento. ‚ÄúAgora estamos aguardando a conclus√£o do inqu√©rito policial para ver o t√©rmino da investiga√ß√£o, esperar a manifesta√ß√£o do Minist√©rio P√ļblico para fazer a defesa dele em ju√≠zo‚ÄĚ, disse o advogado Ar√≠cio Vieira da Silva.

Depois de prestar depoimento por três horas, o homem foi encaminhado ao presídio de Rio Verde, onde vai aguardar as próximas etapas do processo. Ele vai ser indiciado por feminicídio. 
G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

As placas padr√£o Mercosul ser√£o obrigat√≥rias a partir do dia 31 de janeiro em todo o Brasil. Esse prazo atende ao estipulado na resolu√ß√£o emitida pela Conselho Nacional de Tr√Ęnsito (Contran), de julho do ano passado, que determina que as unidades federativas do pa√≠s devem utilizar o novo padr√£o de placas de Identifica√ß√£o Veicular (PIV). Ap√≥s sucessivos adiamentos.

As novas placas já são utilizadas na Argentina e no Uruguai. A previsão é que em breve comecem a valer também no Paraguai e na Venezuela. Desde a decisão pela adoção da placa do Mercosul, a implantação do registro foi adiada seis vezes. 

A ado√ß√£o do sistema de placas do Mercosul foi anunciada em 2014 e, inicialmente, deveria ter entrado em vigor em janeiro de 2016. Em raz√£o de disputas judiciais a implanta√ß√£o ficou para 2017 e depois, adiada mais uma vez para que os √≥rg√£os estaduais de tr√Ęnsito pudessem se adaptar ao novo modelo e credenciar as fabricantes das placas.

Nova placa

A nova placa será obrigatória apenas nos casos de primeiro emplacamento e, para quem tiver a placa antiga, no caso de mudança de município ou unidade federativa; roubo, furto, dano ou extravio da placa, e nos casos em que haja necessidade de instalação da segunda placa traseira.

A nova placa apresenta o padr√£o com quatro letras e tr√™s n√ļmeros, o inverso do modelo atualmente adotado no pa√≠s com tr√™s letras e quatro n√ļmeros. Tamb√©m muda a cor de fundo, que passar√° a ser totalmente branca. A mudan√ßa tamb√©m vai ocorrer na cor da fonte para diferenciar o tipo de ve√≠culo: preta para ve√≠culos de passeio, vermelha para ve√≠culos comerciais, azul para carros oficiais, verde para ve√≠culos em teste, dourado para os autom√≥veis diplom√°ticos e prateado para os ve√≠culos de colecionadores.

Todas as placas dever√£o ter ainda um c√≥digo de barras din√Ęmico do tipo Quick Response Code (QR Code) contendo n√ļmeros de s√©rie e acesso √†s informa√ß√Ķes do banco de dados do fabricante e estampador da placa. O objetivo √© controlar a produ√ß√£o, log√≠stica, estampagem e instala√ß√£o das placas nos respectivos ve√≠culos, al√©m da verifica√ß√£o de autenticidade.¬†(Com informa√ß√Ķes da Ag√™ncia Brasil)

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A Ju√≠za Ros√Ęngela Rodrigues Santos condenou Jo√£o de Deus, de 78 anos, nesta segunda-feira (20) a mais 40 anos de pris√£o por crimes sexuais cometidos contra cinco mulheres. Esta senten√ßa acolheu den√ļncia do Minist√©rio P√ļblico de Goi√°s enviada em mar√ßo do ano passado. A defesa pode recorrer ao Tribunal de Justi√ßa de Goi√°s. Ele sempre negou as acusa√ß√Ķes.

Jo√£o de Deus est√° preso desde 16 de dezembro de 2018. O advogado de defesa, Anderson Van Gualberto, disse que ainda n√£o foi notificado sobre esta terceira condena√ß√£o, mas que assim que tiver acesso ao conte√ļdo da senten√ßa, entrar√° com recurso nas inst√Ęncias cab√≠veis. A defesa acrescenta que o entendimento da ju√≠za √© diferente do que o Superior Tribunal de Justi√ßa j√° decidiu em casos similares.

João de Deus foi condenado três vezes, até esta segunda-feira:

  • 1¬™ – por posse ilegal de arma de fogo,¬†pena de 4 anos¬†em regime semiaberto, novembro de 2019;
  • 2¬™ – por crimes sexuais cometidos contra quatro mulheres,¬†condenado a 19 anos¬†em regime fechado, em dezembro de 2019;
  • 3¬™ – por crimes sexuais cometidos contra cinco mulheres, sentenciado a 40 anos em regime fechado, janeiro de 2020.

A juíza ainda tem 10 processos penais em seu gabinete aguardando resposta de Judiciários de outros estados para voltar a andar. A magistrada explica que não há um prazo para decidir sobre esses processos porque foram enviadas cartas precatórias para o Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Pernambuco, por exemplo.

Tramitam na Comarca de Abadi√Ęnia, no Entorno do Distrito Federal, processos envolvendo 50 v√≠timas, ao total, e foram julgadas a√ß√Ķes referentes a 41 mulheres, segundo a ju√≠za. A magistrada destaca que as condena√ß√Ķes j√° publicadas ainda n√£o foram transitadas em julgado, e as duas primeiras t√™m recurso tramitando no Tribunal de Justi√ßa de Goi√°s.

“O julgamento dessas demais a√ß√Ķes √© imprevis√≠vel porque tem testemunhas que s√£o de fora e precisamos aguardar retorno de outros ju√≠zes para que os processos estejam maduros para julgamento”, explica a ju√≠za Ros√Ęngela.

Fonte: G1 Goiás 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Um cachorro foi baleado e agredido com uma barra de ferro em uma rua de Marzagão, no sul de Goiás. Ele foi resgatado por um grupo de protetores de animais e foi levado ao veterinário, onde está internado. Segundo a ONG Socorro Animal, o agressor achou que o cão atacaria ele e o filho.

O cachorro, chamado Imperador, não tem raça definida e foi agredido na sexta-feira (17), após pular o muro da casa em que mora. O dono dele, um egípcio que se mudou recentemente para a cidade, estava trabalhando em Caldas Novas no momento em que o animal foi atacado.

‚ÄúO cachorro √© d√≥cil, n√£o tem nenhum hist√≥rico de agressividade, mas algumas pessoas da rua falaram que ele latiu para o homem que passava com o filho. Esse homem pegou uma arma e atirou contra o Imperador. Depois, pegou uma barra de ferro e bateu v√°rias vezes‚ÄĚ, disse Josiel Pedro Barbosa, presidente da ONG.

O veterinário Edgar Barros de Oliveira está cuidando do cachorro ferido. Ele contou que o tiro que atingiu o Imperador atravessou a coxa. As pancadas na cabeça quebraram alguns dentes dele.

‚ÄúHoje ele j√° est√° melhor, a cabe√ßa est√° desinchando, mas ele ainda n√£o consegue comer. Ele deve ficar internado mais dois ou tr√™s dias. Depois disso, devemos levar ele por um tempo para uma ch√°cara que serve como abrigo para evitar que ele seja atacado novamente‚ÄĚ, disse.

A presidente da ONG Socorro Animal, que fica em Caldas Novas, informou que, devido ao final de semana, não conseguiu fazer o registro da ocorrência na polícia, mas o dono do cachorro deve ir à delegacia nesta segunda-feira (20).

Fonte: G1 Goiás 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Ser√° realizado a partir desta segunda-feira (20) o pagamento do primeiro Bolsa Fam√≠lia de 2020. Ser√° repassado R$ 2,526 bilh√Ķes para as 13,2 milh√Ķes de fam√≠lias. O valor m√©dio do benef√≠cio √© de R$ 191.

‚ÄúN√≥s seguimos fazendo o pente-fino no programa, removendo quem n√£o precisa do dinheiro. Assim, podemos garantir que fam√≠lias realmente necessitadas tenham acesso ao benef√≠cio‚ÄĚ, disse e o ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Para obter o benef√≠cio √© preciso provar em documentos que a renda per capita √© de at√© R$ 85, e pobres, com renda per capita mensal entre R$ 85,01 e R$ 170 reais. O benefici√°rios recebem um valor todos os meses do ano, mas para assegurar o aux√≠lio, precisam cumprir com compromissos nas √°reas de sa√ļde e educa√ß√£o, como a vacina√ß√£o de crian√ßas e a garantia da frequ√™ncia escolar.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Um jogador de futebol de 16 anos morreu no s√°bado (18) durante um jogo de teste em¬†Santa Cruz de Goi√°s, cidade a 123 km da capital. Segundo a dire√ß√£o do time, o jovem passou mal ap√≥s uma “dividida” de bola com outro atleta.

O adolescente queria disputar o Campeonato Sub-17 de Goiás pelo time Pires do Rio Futebol Clube. De acordo com o diretor do time, Wellington Basílio de Lima, o jogador era natural de Salvador, capital da Bahia, e chegou a Pires do Rio na sexta-feira (17) para se preparar para o amistoso contra o Santa Cruz de Goiás.

O teste de contratação era justamente a partida em que o atleta passou mal. De acordo com o diretor do Pires do Rio Futebol Clube, Wellington Basílio de Lima, a equipe técnica do time tentou os protocolos de reanimação. Eles chegaram a levar o adolescente ao Hospital Municipal Maria Abadia Lobo santa Cruz de Goiás, mas ele chegou sem vida à unidade.

Ele caiu em campo. Tentamos massagem card√≠aca e logo levamos para um hospital. Infelizmente, ele morreu em campo mesmo, tentamos os primeiros socorros, mas n√£o resistiu”, relata Lima.

A ocorr√™ncia registrada na Pol√≠cia Civil informa que uma equipe da Pol√≠cia Militar compareceu ao hospital, onde a “m√©dica plantonista do dia relatou que, por volta das 16h48, a v√≠tima deu entrada no referido hospital com aus√™ncia de pulso e atividade card√≠aca”.

O Instituto Médico Legal (IML) de Caldas Novas realizou o exame cadavérico no corpo, que foi liberado pelo órgão no domingo (19) para ser encaminhado à Salvador.

Fonte: G1 Goiás 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Na manhã deste sábado (18) na BR 060, em Rio Verde-GO, policiais rodoviários federais abordaram um veículo de passeio e encontraram cerca de 200 kg de maconha, acondicionada em tabletes.

Ao dar ordem de parada, o ve√≠culo atendeu inicialmente, por√©m logo em seguida empreendeu fuga, mas foi interceptado de imediato um quil√īmetro √† frente, o que fez que os agentes fizessem vistoria minuciosa no ve√≠culo. Neste momento encontraram a droga no porta-malas do carro.

Ao checar a documentação do condutor, viram que era um adolescente de 17 anos.

O jovem ent√£o confirmou que era o dono da droga e que foi busc√°-la em Ponta Por√£- MS, com destino √† Goi√Ęnia-GO. Foi verificado que ele tamb√©m j√° possui diversas passagens pela pol√≠cia por tr√°fico, roubo e outras infra√ß√Ķes.

O passageiro que o acompanhava, um homem de 24 anos, disse que por acompanh√°-lo receberia R$2.000,00.

O menor foi apreendido, o passageiro detido e todos encaminhados à Polícia Judiciária em Rio Verde, além do veículo e da maconha para os procedimentos cabíveis.

Fonte: PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A Pol√≠cia Militar flagrou quatro homens cavando um t√ļnel em uma casa com dire√ß√£o ao pres√≠dio de¬†Mineiros, no sudoeste de Goi√°s. Na manh√£ desta sexta-feira (17), eles trocaram tiros com policiais e morreram. De acordo com a corpora√ß√£o, um dos PMs foi baleado, socorrido e est√° em estado est√°vel na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

O sargento da PM Geovani Narciso informou que havia a suspeita de que um t√ļnel estava sendo feito para dar fuga aos presos, mas n√£o sabiam ainda em qual casa. Durante uma opera√ß√£o, a equipe abordou um casal, que confessou participa√ß√£o no crime.

‚ÄúEntrando na casa j√° fomos recebido a tiros pelos meliantes. A gente revidou √† injusta agress√£o, alvejou quatro bandidos e um dos nossos policiais foi baleado.‚ÄĚ, afirmou.

Segundo o sargento, o trabalho parecia estar sendo feito há dias. Eles tiravam a terra para os quartos e, depois, levavam para às margens de uma rodovia na região.

J√° tinha mais de 30 metros cavado, ventilador, ilumina√ß√£o, ferramentas de qualidade”, observou.

Fonte: G1 Goiás 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Uma idosa de 67 anos morreu após levar um choque em Davinópolis. Ela recebeu uma descarga elétrica enquanto regava as plantas. Segundo a família, um cabo de aço que estava no pomar estava encostado em um fio de energia.

Maria Terezinha Pereira de Noronha morava com o marido na zona rural do município. Ela acordava cedo diariamente para cuidar das plantas e dos animais. A família não sabe se ela encostou no cabo de aço que estava energizado ou se a água da mangueira que encostou e conduziu a energia.

Os parentes contaram que h√° alguns dias a idosa chegou a chamar um eletricista para fazer uma manuten√ß√£o na rede em que aconteceu o acidente. O vizinho do casal, o produtor rural Silvano Machado Miranda tamb√©m recebeu um choque ao tentar ajudar a v√≠tima. Ele chegou a ficar com marcas nos dedos. ‚ÄúGra√ßas a Deus foi s√≥ um choquinho [para mim], mas custou a morte dela‚ÄĚ, disse.

G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Um homem foi preso suspeito de estuprar um menino de 3 anos na casa da fam√≠lia da crian√ßa, em¬†Formosa, no Entorno do Distrito Federal. De acordo com informa√ß√Ķes da Pol√≠cia Civil, o flagrante aconteceu na noite de quarta-feira (15), quando o pai da crian√ßa viu o suspeito, de 45 anos, dentro do banheiro com o menino. Ainda segundo a pol√≠cia, o homem √© vizinho da fam√≠lia.

De acordo com o delegado Jos√© Ant√īnio Sena, a crian√ßa j√° passou por exames que indicaram o estupro. ‚ÄúO legista constatou a presen√ßa de vest√≠gios compat√≠veis com ato libidinoso‚ÄĚ, afirmou.

Segundo o delegado, o pai da crian√ßa foi at√© o banheiro ap√≥s ouvir um grito de dor da crian√ßa. ‚ÄúNessa ocasi√£o, a v√≠tima contou o ocorrido e afirmou que o ‚Äėbumbum estava doendo”, disse.

√Ä pol√≠cia, o suspeito negou que tenha praticado qualquer tipo de abuso e afirmou que estava ‚Äúapenas dando um banho‚ÄĚ no menino.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado para a Central de Flagrantes da cidade. Ele deverá responder por estupro de vulnerável, que prevê de 8 a 15 anos de prisão.

G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA