ÔĽŅ

Nada de gols na partida entre Aparecidense e Crac, v√°lida pela quarta rodada do Campeonato Goiano. Os clubes que deveriam se enfrentar no Est√°dio Genervino da Fonseca, em Catal√£o, teve o jogo alterado para o Est√°dio Hail√© Pinheiro, em Goi√Ęnia e mesmo com reformas. Os mandos foram alterados devido a forte chuva que assola Catal√£o e que j√° fez com que duas partidas do Crac fossem adiadas.

Primeiro tempo

A equipe da Aparecidense começou bem a partida, e pelo lado direito quase o primeiro gol do jogo, após cruzamento de Gabriel Paulino, o goleiro do Crac interceptou antes que chegasse aos pés do artilheiro Alex Henrique. A resposta do time visitante veio aos nove minutos, ataque puxado por Medina, o camisa dez carregou a bola e de longe finalizou, mas passou ao lado da trave de Edson. 

Em cobrança de escanteio, mais um perigo a favor do Crac, dessa vez Thiago Romulo quase abriu o placar na partida. Aos vinte e seis minutos, Gabriel saiu lesionado e Albano entrou em seu lugar. Aos trinta e cinco minutos, uma bela finalização de Hélder, mas o goleiro Bruno Fuso brilhou, evitando o que seria o primeiro gol do jogo. Falta bem cobrada de Albano, a bola desvia na barreira e engana Fuso, mas ainda da tempo de tirar ela para escanteio. Fim de primeiro tempo, tudo igual, 0 a 0. 

Segundo tempo

Os times voltaram do intervalo do que mostraram no início do jogo. O Crac nos dez minutos iniciais pouco chegou ao gol do adversário. Enquanto a Aparecidense buscou o gol nas bolas paradas cobradas por Albano. Aos treze minutos, Léo Teles lançou bela bola para Alex Henrique que cara a cara com Bruno Fuso, desperdiçou, parando na defesa tranquila do goleiro. 

Grande chance cinco minutos depois, mais uma vez o duelo Alex Henrique versus Bruno Fuso e o goleiro brilhantemente defendeu mais uma, no rebote, Robert finalizou e caído, o goleiro do Crac tirou para escanteio. O Crac também teve uma chance de ouro no escanteio, a bola sobrou no ar para Renato, mas o zagueiro furou. O time que foi comandado por Wesley, por conta da suspensão de Romerito, pressionou o adversário nos minutos finais, mas o empate persistiu até o final. Aparecidense 0 a 0 Crac. 

Como fica ?

Com o empate, a Aparecidense chega a quatro pontos na competi√ß√£o, mas permanece ainda na 11¬™ coloca√ß√£o. Na pr√≥xima rodada a Cidinha volta ao est√°dio Haile Pinheiro, para enfrentar a equipe do An√°polis. J√° o Crac com o empate vai a cinco pontos e volta a Goi√Ęnia na segunda-feira, para enfrentar o Vila Nova, no OBA.¬†

FICHA T√ČCNICA
Aparecidense 0x0 Crac

Horário e local: 16 horas, Estádio Hailé Pinheiro

Arbitragem: Breno Souza
Assistentes: M√°rcio Soares e Pedro Henrique Tavares
Quarto √Ārbitro: Jo√£o Francisco de S√°

Aparecidense: Edson; Gabriel Paulino (Albano), Robson, Garutti, Hélder; Alison, Willyam, Robert (Flávio Gabriel); Diego Rosa (Léo Teles), Aleílson e Alex Henrique. Técnico: Romerito Mendonça.

Crac: Bruno Fuso; Evandro, Renato Silveira, Willian Goiano, Ra√≠ (Renato Justi); Gilberto, Paulinho Santos, Medina (Jussimar); Thiago R√īmulo (Andrezinho), Reginaldo e Jo√£o Peixoto. T√©cnico: Carlos Rabello.¬†

Fonte: O Hoje

CATEGORIA: Esporte

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Você pode deixar qualquer resposta para este post através de RSS 2.0 Deixe uma resposta, ou trackback.

DEIXE SEU COMENT√ĀRIO

*

*