CATEGORIA: Acidente

Foto: Reprodução/TV Anhanguera Catalão

Um homem de 44 anos de idade ficou ferido em um acidente entre dois veículos, ocorrido por volta das 19 horas, na GO 330 na noite de ontem (08), entre Catalão e Ouvidor, na chamada baixada do alambique.

Os dois veículos, sendo uma caminhonete e um carro de passeio colidiram-se frontalmente, com o impacto da batida o carro de passeio saiu da pista. O condutor do veículo de passeio, um homem de 44 anos de idade, foi encaminhado ao Pronto Socorro da Santa Casa de Catalão com alguns ferimentos por uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros, onde permanecia hospitalizado.

Escrito por: Badiinho Filho

 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Goi√°s

O Departamento Estadual de Tr√Ęnsito de Goi√°s (Detran-GO), em parceria com o Departamento Nacional de Tr√Ęnsito (Denatran), √≥rg√£o do Minist√©rio das Cidades, lan√ßar√° na pr√≥xima ter√ßa-feira (10) a Carteira Nacional de Habilita√ß√£o Eletr√īnica (CNH-e), popularmente conhecida como CNH Digital.

Trata-se de um aplicativo para celular por meio do qual o motorista poderá acessar a versão digital de seu documento, o que o dispensará de portar o documento em papel. Goiás será o primeiro Estado do país a contar com o novo recurso.

A escolha de Goiás como Estado piloto na CNH-e foi determinada pelo governo federal em virtude do avanço no processo de digitalização por que vem passando o Detran-GO. Pela proposta da nova carteira, motoristas poderão ter o arquivo virtual da CNH por meio de um aplicativo para smartphones.

‚ÄúJ√° iniciamos o projeto de digitaliza√ß√£o dos processos de habilita√ß√£o. Quando for conclu√≠do e n√£o utilizarmos mais o processo f√≠sico, passaremos a cumprir esse mesmo prazo nos processo, ou seja, o candidato terminar√° a prova e ter√° a Permiss√£o para Dirigir em 12 horas‚ÄĚ, explica o presidente do Detran-GO, Manoel Xavier Ferreira Filho.‚Äú

O documento virtual poderá ser apresentado no lugar da carteira física, e será identificado pela leitura do QRCode ou certificado digital. A carteira digital terá a mesma validade que o documento impresso. A ativação deverá ser feita no aparelho em que a CNH será salva, que será protegida por um PIN. Essa senha será exigida todas as vezes em que o acesso ao documento for requerido.

Solicitação e uso

Para solicitar a CNH-e, o motorista j√° deve ter uma habilita√ß√£o impressa com QR Code e se cadastrar no portal de servi√ßos do Denatran. Caso o condutor j√° tiver cadastro no Sistema de Notifica√ß√£o Eletr√īnica (SNE), solu√ß√£o que possibilita o pagamento de multas de tr√Ęnsito com 40% de desconto, n√£o ser√° necess√°rio novo cadastro. A solicita√ß√£o deve ser feita pelo portal com a mesma senha de cadastro do SNE.

Al√©m disso, os motoristas devem informar ou atualizar seus e-mails e telefones nos departamentos de tr√Ęnsito estaduais (Detrans). Caso a pessoa possua certificado digital, pode fazer as atualiza√ß√Ķes de e-mail e telefone diretamente no portal do Denatran, sem a necessidade de se dirigir aos Detrans.

O cadastro ser√° ativado com o envio de um link para o e-mail informado, solicitando que o usu√°rio realize login no aplicativo pelo aparelho que deseja ter a CNH digital. O motorista dever√° criar um N√ļmero de Identifica√ß√£o Pessoal (PIN), com quatro d√≠gitos, que dever√° ser memorizado para acesso posterior ao documento digital.

Fonte: Di√°rio de Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A Secretaria da Fazenda (Sefaz) alerta aos propriet√°rios de ve√≠culos com placa de final 8 que vence amanh√£ (10/10) a parcela √ļnica ou terceira parcela do Imposto Propriedade de Ve√≠culos Automotores (IPVA). Tamb√©m na ter√ßa-feira vence a segunda parcela do imposto para ve√≠culos com placa final 9.

Desde 2012, os propriet√°rios de ve√≠culos populares, motor 1.0 ou motocicletas at√© 125cc, t√™m 50% de desconto no valor do IPVA desde que estejam em dia com o pagamento do imposto e n√£o tenham cometido multas de tr√Ęnsito. Al√©m disso e independente da pot√™ncia do ve√≠culo, o condutor inscrito no ano passado no programa Nota Fiscal Goiana tem ainda redu√ß√£o de 5% no valor do imposto. Para 2018, o desconto para inscritos no programa ser√° progressivo, podendo chegar a at√© 10% dependendo da quantidade de bilhetes acumulados.
 
Comunicação Setorial- Sefaz

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na noite desta sexta feira, (06), por volta das 22:30, no km 283 da BR-050, proximidades da Cer√Ęmica Catal√£o, os policiais rodovi√°rios federais faziam ronda e verificaram que havia uma motocicleta Honda /XR 250 Tornado estacionada com a chave na igni√ß√£o.

Ao fazer uma consulta nos bancos de dados da polícia, verificaram que se tratava de uma motocicleta que havia sido roubada cerca de duas horas antes, no bairro Castelo Branco.

A motocicleta foi levada até a polícia civil local para posteriormente ser restituída ao legítimo proprietário.

A equipe PRF conseguiu informar o proprietário sobre a recuperação do veículo que ficou aliviado uma vez que não possuía seguro.

Fonte: PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na tarde desta sexta-feira, (06), durante patrulhamento pela estrada vicinal que d√° acesso ao Dimic (Distrito Industrial de Catal√£o) a equipe do Comando de Opera√ß√Ķes de Divisas – COD/CPR, (Base de Corumba√≠ba) visualizou W. J. de S, 40 anos em atitude suspeita. Ap√≥s a abordagem, constatou-se que havia em seu desfavor um mandado de pris√£o.

O suspeito possui uma extensa ficha criminal (artigos: 129, 147, 140, 121 c/c 14 do CP). Conduzido para a Central de Flagrantes e posteriormente para o presídio, ficando a disposição da justiça.

COD/CPR de Catalão em ação

Na segunda segunda ocorrência do COD/CPR em Catalão, nesta sexta-feira (06), durante patrulhamento pelas proximidades da GO 330, abordou W. A. S., 19 anos, após consulta, constatou-se que havia um mandado de prisão em aberto pelo crime do artigo 157 (roubo).

O indivíduo foi encaminhado para o presídio, ficando à disposição da justiça.

Confira a terceira ocorrência COD/CPR em Catalão

J√° na terceira ocorr√™ncia, nesta sexta-feira, (06), a equipe COD/CPR Catal√£o, em patrulhamento pr√≥ximo a GO 330, deparou com R. F. G., 17 anos, em atitude suspeita. Durante a abordagem foi localizado com este, 35 por√ß√Ķes de entorpecentes (aparentemente de crack, embaladas e prontas para a venda), R$ 50,00 reais em esp√©cie e um aparelho celular Samsung de proced√™ncia duvidosa.

O menor infrator confirmou que comercializava entorpecentes e que o dinheiro é oriundo da venda de drogas. A equipe realizou a apreensão do menor e da droga, sendo formalizado contra o mesmo, o BOC por ato infracional, pelo artigo semelhante ao de tráfico de drogas na Central de Flagrantes de Catalão-GO.

Fonte: Polícia Militar

 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

A promotora de Justi√ßa Ariete Cristina Rodrigues Vale prop√īs a√ß√£o civil p√ļblica por atos de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Tr√™s Ranchos Rolvander Pereira Wanderley e o ex-vice-prefeito Haroldo Cala√ßa Coelho, diante de irregularidades constatadas nas contas de gest√£o do Poder Executivo referentes ao exerc√≠cio do ano de 2013.

A apura√ß√£o feita no caso aponta irregularidades referentes ao n√£o pagamento a contento das contribui√ß√Ķes previdenci√°rias devidas ao Regime Pr√≥prio de Previd√™ncia Social, o pagamento efetuado a maior de subs√≠dios ao ent√£o prefeito e vice-prefeito, em desacordo com os valores registrados no Tribunal de Contas dos Munic√≠pios (TCM), no valor de R$ 14.850, e o recebimento do 13¬į sal√°rio por Rolvander, no valor de R$ 11 mil, e pelo ex-vice-prefeito, no valor de R$ 3.850,00. Na a√ß√£o, a promotora reitera que o 13¬į sal√°rio n√£o √© um direito assegurado a agentes pol√≠ticos; portando, o pagamento do benef√≠cio contrariou a legisla√ß√£o.

Na a√ß√£o, √© requerida a condena√ß√£o do ex-prefeito e ex-vice-prefeito pela pr√°tica dos atos de improbidade, com aplica√ß√Ķes das san√ß√Ķes civis previstas na Lei 8.429/1992 e o ressarcimento dos danos causados ao munic√≠pio de Tr√™s Ranchos, consistindo no pagamento integral de todo preju√≠zo advindo do recebimento da verba de 13¬į sal√°rio recebida em 2013, acrescido de juros legais e corre√ß√£o monet√°ria. Entre as san√ß√Ķes previstas est√£o a suspens√£o dos direitos pol√≠ticos dos requeridos, com proibi√ß√£o ainda de contratarem com o poder p√ļblico e de receberem incentivos fiscais ou credit√≠cios.¬†

(Texto: Patr√≠cia Borges – Estagi√°ria da Assessoria de Comunica√ß√£o Social do MP-GO/ Supervis√£o: Ana Cristina Arruda ‚Äď Foto: banco de imagens)

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na tarde desta sexta-feira, (06) as viaturas da Patrulha Rural da Pol√≠cia Militar realizavam Opera√ß√Ķes Policiais na Zona Rural da Regi√£o Catalana, nas proximidades dos Distritos de Santo Ant√īnio do Rio Verde e Pires Belo.

Quando da realiza√ß√£o de uma abordagem a ve√≠culo, os PM’s localizaram uma arma de fogo tipo rev√≥lver calibre .32 com cinco muni√ß√Ķes intactas na cintura do abordado.

De imediato foi dada voz de prisão ao infrator da lei, de 26 anos de idade, e providenciado seu encaminhamento à Delegacia de Polícia Civil de Catalão.

Fonte: 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na manhã desta sexta-feira (06), a Polícia Militar em Três Ranchos realizava patrulhamento pela cidade quando visualizaram um indivíduo trafegando a pé em situação suspeita.

Ao ser procedida a abordagem foi constatado que havia em seu desfavor um Mandado de Pris√£o em aberto pelo crime de les√£o corporal grave.

Dessa forma, o foragido, natural de Monte Carmelo РMG, de 27 anos de idade, foi encaminhado ao presídio de Catalão.

Fonte: 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Nessa quinta-feira, (05) de outubro, as equipes policiais de Catal√£o realizavam Opera√ß√Ķes no Bairro Pontal Norte, pela manh√£.

Através de um abordagem a um indivíduo em situação suspeita, surgiu a informação de que ele possuía pasta base de cocaína em sua residência.
Após a checagem, foi confirmado a existência do produto ilícito no interior de sua casa.

Diante da situação, o suspeito do delito, de 20 anos de idade e com antecedentes criminais por receptação e homicídio, foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Catalão, juntamente com o entorpecente apreendido.

GPT em Ação

Já na tarde da mesma quinta-feira (05), dois suspeitos que trafegavam em uma motocicleta em situação suspeita pelo Bairro Santa Cruz em Catalão foram abordados pela PM. 
Após a busca pessoal foi localizado com um deles, aproximadamente, 500 gramas de crack.

Os agressores da sociedade estariam realizando a compra/venda do produto ilícito naquele momento.

Dessa forma, eles foram encaminhados ao DP de Catalão, sendo um deles, de 19 anos de idade, preso por tráfico de drogas e encaminhado ao presídio local.

¬†Fotos e texto 18¬ļ BPM¬†

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

O Minist√©rio P√ļblico realizou uma audi√™ncia para tentar um acordo entre a professora Vanessa Bittencourt, coordenadora agredida pela m√£e de uma aluna, e a mulher que a agrediu, em Catal√£o, na regi√£o sudoeste de Goi√°s. Sem concilia√ß√£o, o MP pediu para a Pol√≠cia Civil desenvolver novas dilig√™ncias e remarcou um novo encontro para o pr√≥ximo m√™s. Nenhuma das duas quis dar entrevista.

O advogado da mulher que responde pelas vias de fato, Arnaldo Mois√©s Fernandes, alega que a cliente s√≥ agrediu a coordenadora, pois a mesma havia ofendido a m√£e da aluna. ‚ÄúVamos trabalhar na tese da leg√≠tima defesa, da honra da filha. Salvo engano, houve uma ofensa moral de uma menor de idade‚ÄĚ, disse.

J√° o advogado da professora, Andr√© Franco, espera que a mulher seja responsabilizada pela agress√£o. ‚ÄúFoi feita a dilig√™ncia de que agora a autoridade policial, o delegado, vai ouvir as testemunhas do caso. Que ela possa, sim, ser responsabilizada pelo ato que cometeu‚ÄĚ, ressaltou.

A audi√™ncia foi realizada na tarde de quinta-feira, no F√≥rum Frederico Campos, em Catal√£o. A sess√£o durou cerca de 40 minutos e foi mediada por uma promotora de Justi√ßa. Como n√£o houve acordo, o Minist√©rio P√ļblico solicitou novas investiga√ß√Ķes por parte da Pol√≠cia Civil e remarcou uma nova audi√™ncia, que deve acontecer dentro de 30 dias.

O caso aconteceu no dia 5 de setembro, no Col√©gio Estadual Dona Iay√°, em Catal√£o. Vanessa √© coordenadora da unidade e denuncia que foi agredida pela m√£e de uma aluna ap√≥s cham√°-la para conversar sobre a conduta inadequada da adolescente. Por sua vez, a m√£e da estudante disse √† Pol√≠cia Civil que tamb√©m foi v√≠tima de les√Ķes. Fotos divulgadas pela coordenadora mostram les√Ķes nas costas, orelha e na cabe√ßa dela.

‚ÄúA coordenadora disse que a m√£e a chamou de incompetente, que n√£o sabia lidar com adolescente e partiu para cima e come√ßou a agredi-la, puxar cabelo, tapa e bateu a cabe√ßa dela contra o ch√£o. A m√£e ficou em cima, e a coordenadora tentava se levantar e n√£o conseguia‚ÄĚ, relatou ao G1 o delegado respons√°vel pelo caso, Vagner Sanchez Pedroso.

Em nota, a Secretaria Estadual de Educa√ß√£o, Cultura e Esporte (Seduce) informou, na √©poca do fato, que estava colaborando com as investiga√ß√Ķes e que realiza o programa chamado “Repacificar”, justamente para promover a paz dentro das institui√ß√Ķes de ensino.

Briga

A coordenadora afirmou que foi a pr√≥pria estudante quem a salvou. Em entrevista √† TV Anhanguera, ela disse que a adolescente ‚Äúse desesperou‚ÄĚ e ‚Äúpediu socorro‚ÄĚ, ao ver a m√£e a agredindo.

‚ÄúEla levantou, me empurrou, ca√≠ no ch√£o, bati a cabe√ßa no ch√£o. Ela subiu em cima de mim com toda for√ßa, puxou meus cabelos e come√ßou a bater minha cabe√ßa contra o ch√£o. Quem entrou em desespero e viu a agress√£o terr√≠vel foi a pr√≥pria filha, que come√ßou a pedir socorro‚ÄĚ

‚ÄúEu tenho que erguer a cabe√ßa e pensar que n√≥s n√£o devemos agir desta forma em momento algum com qualquer pessoa‚ÄĚ, disse a professora.

Fonte: G1 Goi√°s

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

A Pol√≠cia Civil de Minas Gerais desencadeou, na manh√£ desta quinta-feira (5), a Opera√ß√£o “Rei do Gado” para desarticular uma organiza√ß√£o criminosa que agia no roubo e furto de gado em fazendas em Minas Gerais e Goias. Segundo a assessoria da Pol√≠cia Civil, at√© o momento, oito pessoas foram presas em Perdizes, Uberl√Ęndia, Catal√£o (GO) e Tr√™s Ranchos (GO).

Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram expedidos pela Vara Criminal de Araxá. Ainda de acordo com a Polícia Civil, a organização estava sendo monitorada há três meses por investigadores da Delegacia de Furtos e Roubos da Regional de Araxá.

Parte da quadrilha foi presa em flagrante quando chegava em uma fazenda em Três Ranchos (GO), após um fruto na madrugada desta quarta.

Os policiais conseguiram recuperar cerca de 120 cabe√ßas de gado, tratores, al√©m de eletr√īnicos e objetos que foram levados pela organiza√ß√£o criminosa nas a√ß√Ķes. Um caminh√£o e duas caminhonetes que eram utilizadas pelos ladr√Ķes no transporte do gado foram apreendidos.

A operação desencadeada nesta manhã conta com a participação de delegados e policiais civis de Araxá, Perdizes, Ibiá, Nova Ponte e Uberaba. A coordenação foi do delegado Conrado Costa da Silva, com apoio de dois investigadores. 

G 1 do Triangulo Mineiro

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA