CATEGORIA: Acidente

Uma colisão envolvendo dois carros de passeio na GO 330, matou duas pessoas e feriu outras quatros. O acidente ocorreu na noite deste domingo (3). As vítimas foram encaminhadas para hospitais de Pires do Rio e Ipameri.

A batida  ocorreu por volta das 23h10 e envolveu um VW/Voyage placa de Ipameri/GO e um Chevrolet/Celta, placa de Urutai/GO. Segundo a Policia Rodoviária Estadual (PRE), o Voyage trafegava no sentido Urutai/Ipameri e o Celta no sentido contrario, da GO 330, quando no KM 127 vieram a colidir frontalmente.

Com a colis√£o, a motorista do ve√≠culo Celta e √ļnica ocupante,¬†Suely Fernandes de Jesus, 49 anos, morreu no local, e a passageira traseira do Voyage,¬†Elaine¬†Cristina Conceschi Silva, 40 anos,¬†foi encaminha para o hospital em Ipameri, mas n√£o resistiu aos ferimentos e morreu.

Outras quatro pessoas que estavam no Voyage ficaram feridas, sendo que uma vítima foi transportada por terceiros para o hospital em Pires do Rio, e outras três foram socorridas  pelos Bombeiros e encaminhadas para hospitais em Ipamerí. O socorro as vítimas foram realizados pelas equipe dos Bombeiros de Ipameri e de Pires do Rio.

Posterior uma das vítimas atendida no hospital de Ipameri, foi transferida para Catalão.

A Pol√≠cia Rodovi√°ria Estadual esteve no local, controlou o tr√Ęnsito e registrou a ocorr√™ncia. O corpo da v√≠tima fatal foi recolhido pelo Instituto M√©dico Legal.

Fonte: Zap Catal√£o

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Acidente

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou dois acidentes na tarde de ontem, domingo (03), na BR-050 em Catalão.

O primeiro acidente foi registrado por volta de 15h10 na altura do Km 274, próximo a empresa Adubos Araguaia. Segundo a PRF, um veículo VW/GOL, ao cruzar a rodovia, não percebeu uma carreta, que transitava sentido Brasília (DF) X Paraná (PR).

Conforme a PRF, o condutor da carreta ainda tentou desviar, mas acabou colidindo na lateral direita do veículo GOL. No automóvel, além do condutor, estava um passageiro. Os dois ficaram feridos sem gravidade. O condutor da carreta não se feriu.

Ainda segundo a PRF, o condutor do ve√≠culo GOL se recusou a fazer o teste do ‚Äúbaf√īmetro‚ÄĚ e foi notificado em quase R$ 3 mil e o ve√≠culo foi removido ao p√°tio da PRF.

O segundo acidente registrado ontem, ocorreu por volta de 15h50 no Km 287, ap√≥s o posto PRF de Catal√£o. Um ve√≠culo GM/Astra, que seguia sentido Uberl√Ęndia (MG) X Bras√≠lia (DF) ao adentrar em uma curva, aquaplanou, saiu da rodovia pela direita e capotou.

Conforme a PRF, no momento do acidente chovia forte e os pneus do ve√≠culo n√£o tinham condi√ß√Ķes de uso. No ve√≠culo, al√©m do condutor, estavam dois passageiros, sendo que um deles ficou levemente ferido e os demais nada sofreram.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Os policiais civis da Delegacia de Pol√≠cia de Corumba√≠ba efetuaram o cumprimento do mandado de pris√£o de Jamil de O.S, 62 anos, na √ļltima sexta-feira (1). O suspeito foi condenado a cumprir pena de 7 anos de deten√ß√£o pelo crime de tentativa de homic√≠dio, ocorrido no estado de S√£o Paulo.

Após receber a informação de que um foragido da justiça do Estado de São Paulo estava há cerca de 5 anos na cidade, a Polícia Civil empreendeu esforços para  encontrá-lo, sendo localizado e realizado o cumprimento do Mandado de Prisão.

O foragido foi conduzido ao Presídio local, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Prisão de Preventiva pela prática de Homicídio

Na semana passada, os policiais civis de Corumbaíba deram também cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido em desfavor de I.C.S, 24 anos, pela prática do crime de homicídio.

O suspeito √© apontado como um dos autores do homic√≠dio praticado contra a v√≠tima R.G.P, 25 anos, ocorrido no dia 20/10/2017, no interior do Pres√≠dio de Corumba√≠ba. As investiga√ß√Ķes apontam que Iago e os demais investigados torturaram a v√≠tima at√© a morte.

O suspeito já possui passagem policial por diversos furtos e recentemente se envolveu em um episódio com a Polícia Militar, no qual houve disparo de arma de fogo, encontra-se recolhido no presídio local à disposição da justiça.

Fonte: Site da Polícia Civil

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Cidade

A Pol√≠cia Civil de Catal√£o formalizou, na √ļltima semana, dois conv√™nios com institui√ß√Ķes parceiras para agilizar as investiga√ß√Ķes e melhorar o atendimento em casos de crimes contra o meio ambiente ou no √Ęmbito familiar. Segundo o delegado regional, Jean Carlos Arruda, ambas as parcerias ir√£o afetar diretamente o trabalho da institui√ß√£o na cidade. ‚ÄúA soma de esfor√ßos √© sempre bem-vinda‚ÄĚ, resumiu.

Conforme explica Arruda, o primeiro convênio (foto à esquerda) foi realizado com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Catalão (Semmac), que estabeleceu que, na ausência de um perito oficial ou ainda em face demora justificada do órgão responsável, os analistas ambientais da Semmac realizarão perícias em locais de supostos crimes contra o meio ambiente.

Tal servi√ßo ser√° realizado ap√≥s pr√©via solicita√ß√£o e nomea√ß√£o desses profissionais como peritos ‚Äúad hoc‚ÄĚ, pelo delegado respons√°vel pela investiga√ß√£o.¬†‚ÄúEsta parceria vai proporcionar que os inqu√©ritos e TCO‚Äôs referentes a crimes ambientais tenham tramita√ß√£o mais c√©lere e os indiciados respondam na Justi√ßa pelas infra√ß√Ķes praticadas‚ÄĚ, considerou o delegado regional.

O segundo convênio firmado foi com o Centro de Ensino Superior de Catalão (Cesuc), através do curso de Psicologia. A assinatura da parceria apenas formaliza o apoio já existente desde agosto do corrente ano, por meio do qual o curso destina oito estagiários por semestre para atuarem na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) e Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai).

Neste caso, os estudantes¬†realizam¬†atendimento¬†de mulheres v√≠timas de viol√™ncia dom√©stica e de crian√ßas e adolescentes em situa√ß√£o de vulnerabilidade, realizando em ambas as situa√ß√Ķes orienta√ß√£o e apoio psicol√≥gico. Em situa√ß√Ķes espec√≠ficas, as v√≠timas s√£o encaminhadas para o Consult√≥rio de Psicologia da faculdade.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Um homem de 33 anos de idade foi baleado na madrugada deste domingo (03), por volta de 01h10, na rua Pedro Afonso, bairro Monsenhor Sousa em Catalão. 

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionados e o baleado foi encaminhado com vida ao Pronto Socorro da Santa Casa de Catalão. 

A Polícia Civil investiga o caso para identificar os possíveis suspeitos e a motivação da ação criminosa.

Essa foi a segunda ocorrência, em menos de uma semana, envolvendo arma de fogo em Catalão. 

Na madrugada da √ļltima sexta-feira (01), um homem, de 40 anos de idade, foi alvejado com disparos de arma de fogo na Rua Santa Maria, na¬†Vila Cruzeiro II.

 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

O jovem Wilker Marciano da Silva, de 19 anos, foi morto em uma briga de bar em Campo Alegre de Goiás. A namorada e o sogro ficaram feridos durante a discussão. Testemunhas contaram que os disparos aconteceram após homens chegarem ao local e começarem a provocar a mulher que estava com a vítima.

Wilker tinha se mudado com a mãe de Cumari para Campo Alegre de Goiás há cerca de dois meses. Na madrugada de sábado (2), o jovem estava com a namorada e o pai dela no bar, quando, segundo testemunhas, três homens entraram no local e começaram a provocar a garota.

Ele chegou a amea√ßar a namorada de Wilker antes de ir ao carro, pegar a arma e atirar contra as v√≠timas. ‚ÄúO menino chegou amea√ßando, falando que ia matar eles. Ele guardou o revolver, depois pegou uma cadeira, jogou na menina, a menina veio para cima dele e a rea√ß√£o dele [criminoso] foi pegar o revolver e dar o tiro e ele acabou acertando os tr√™s‚ÄĚ, disse uma testemunha que n√£o quis se identificar.

Wilker morreu no local. A menina e o pai foram socorridos por outros clientes do bar, levados para o Hospital Municipal de Campo Alegre de Goi√°s e, em seguida, transferidos para uma unidade de sa√ļde de Catal√£o.

Segundo informa√ß√Ķes passadas √† TV Anhanguera na tarde de s√°bado, a menina est√° em estado est√°vel. O pai dela est√° em estado grave. O¬†G1¬†tentou contato com a unidade de sa√ļde, mas n√£o conseguiu informa√ß√Ķes sobre o boletim m√©dico atualizado.

A Polícia Militar prendeu um suspeito que estaria com o atirador no momento do crime. Já o autor dos disparos ainda não foi localizado. 

G1 Goi√°s

 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Um homem de 40 anos de idade foi alvejado por disparos de arma de fogo na Vila Cruzeiro II, em Catal√£o.

O fato aconteceu na madrugada desta sexta-feira (1), por volta das 05h10, na Rua Santa Maria.

Segundo informa√ß√Ķes a v√≠tima foi alvejada¬†com 4 disparos de arma de fogo. O corpo de bombeiros foram acionados de imediato a v√≠tima foi encaminhada ao pronto Socorro da Santa Casa de Catal√£o.

Polícia Militar esteve no local é registrou a ocorrência. A vítima não corre risco de morte.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na manh√£ desta quinta-feira (30), quando em patrulhamento no¬†Distrito de Domiciano Ribeiro, no munic√≠pio de Ipameri, os policiais¬†abordaram um individuo em atitude suspeita.¬†Ap√≥s a identifica√ß√£o do mesmo e consulta do seu nome no¬†Conselho Nacional de Justi√ßa ‚Äď CNJ, foi constatado que havia Mandado de Pris√£o em seu desfavor da Comarca de Cristalina/GO, pelo¬†crime de viol√™ncia dom√©stica.

Assim, o foragido foi apresentado à Autoridade Policial que adotou as providências legais cabíveis.

Equipe de policiais composta pelo Ten Claudemar; Sgt Ant√īnio, Sgt Rezende, Cb Pinheiro e Sd Maia

Fonte: Major Virg√≠lio ‚Äď Comandante da 40¬™ CIPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

A Polícia Civil de Catalão, através do GENARC/9a DRP, realizou na tarde desta quinta-feira, (30), a apreensão em poder de um suspeito de 31 anos, 08 kg de pasta-base de Cocaína e 1,3 kg de ácido bórico, além de balança de precisão e dois celulares de origem duvidosa, na Vila Chaud em Catalão.

O suspeito era investigado pelo Genarc há alguns meses pela suposta prática de tráfico de drogas, sendo que hoje, após várias diligências, a PC logrou êxito em aprender a droga e demais produtos/objetos.

Diante dos fatos o investigado recebeu voz de prisão pelo crime do art. 33, da Lei de Drogas, sendo autuado em flagrante delito no Genarc e após encaminhado ao Presídio local.
O investigado vai responder processo criminal na Justiça, sujeito, se condenado, a pena de 05 anos a 15 anos de prisão.

Polícia Civil: Compromisso com a verdade e com a Justiça!

Fonte: Polícia Civil

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Dois ocorreram no período vespertino e foram devido a forte chuva que caiu na rodovia. O primeiro envolveu um Chevrolet/Agile, placa de Minas Gerais, cuja condutora seguia de Brasília/DF para Conceição das Alagoas/MG e o fato se deu no km 161, que fica a 46km de Campo Alegre de Goias, por volta das 14h30.

A condutora informou que perdeu o controle de dire√ß√£o ap√≥s aquaplanar, vindo a ir para o canteiro central e capotando. A condutora e uma passageira sofreram les√Ķes leves sendo encaminhadas para o Hospital de Cristalina.

No deslocamento para o atendimento deste acidente a equipe PRF deparou com o 2¬ļ acidente, no km 165 a 4km do primeiro, sendo que neste envolveu um Citroen/C3 de Bras√≠lia/DF, sendo a causa uma aquaplanagem, onde o condutor tamb√©m perdeu o controle de dire√ß√£o e colidiu na mureta do canteiro central, sendo que ningu√©m se feriu.


No período noturno, no trevo de cruzamento da BR050 com a avenida José Marcelino às 19h45, fomos informados de um acidente envolvendo um ciclista onde o veículo que colidiu na mesma seria um bitrem que tinha evadido do local.

A equipe PRF ao chegar no local e fazer o levantamento, constatou-se que um jovem de 20 anos, ao cruzar a rodovia em uma bicicleta, colidiu em uma carreta que seguia normalmente , sentido o estado de Minas Gerais.

O ciclista sofreu algumas escoria√ß√Ķes e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado at√© o pronto socorro da Santa Casa de Catal√£o/GO, n√£o correndo risco de morte. Segundo algumas pessoas que viram o acidente, provavelmente o condutor da carreta nem percebeu que houve uma colis√£o em seu ve√≠culo.

Fonte: PRF

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícia

Em a√ß√£o proposta pelo promotor de Justi√ßa Lucas Arantes Braga, o juiz Hugo Guttemberg de Oliveira determinou a elabora√ß√£o de um programa de educa√ß√£o em sa√ļde, guarda respons√°vel e esteriliza√ß√£o de c√£es e gatos com a finalidade de controle populacional em Nova Aurora, no prazo de 60 dias.

Desta forma, o munic√≠pio dever√° promover uma mobiliza√ß√£o coletiva e programada da sociedade, mediante a√ß√Ķes de educa√ß√£o em sa√ļde e guarda respons√°vel dos animais veiculadas nos meios de comunica√ß√£o social; instituir procedimentos de esteriliza√ß√£o de c√£es e gatos em local e condi√ß√Ķes adequadas, al√©m de implantar campanha anual anticonceptiva e de vacina√ß√£o contra a raiva. Esse programa, conforme a decis√£o, dever√° ser submetido ao Conselho Regional de Medicina Veterin√°ria de Goi√°s para aprova√ß√£o e posterior implanta√ß√£o em 60 dias, sob pena de multa di√°ria de R$ 100,00 at√© o limite de R$ 100 mil, a ser arcado inicialmente pelo munic√≠pio.

A a√ß√£o, proposta em julho do ano passado, requereu a institui√ß√£o de pol√≠ticas p√ļblicas para correta destina√ß√£o dos animais de rua da cidade. O problema de abandono foi levado ao promotor de Justi√ßa por moradores do munic√≠pio que, indignados com a situa√ß√£o, assinaram um documento pedindo provid√™ncias da prefeitura.

De acordo com o promotor, o pr√≥prio munic√≠pio reconheceu n√£o possuir programa p√ļblico de recolhimento e destina√ß√£o de animais soltos, sendo as √ļnicas medidas tomadas pela administra√ß√£o a realiza√ß√£o de campanhas publicit√°rias. Lucas Arantes tamb√©m foi informado que estava no cronograma da Secretaria Municipal do Meio Ambiente uma campanha de castra√ß√£o desses animais. Na ocasi√£o, o Minist√©rio P√ļblico chegou a propor a composi√ß√£o de termo de ajustamento de conduta, o que n√£o se concretizou.

Ataques de c√£es a moradores, presen√ßa de animais em situa√ß√£o de abandono nas ruas e no lix√£o da cidade exp√Ķem a popula√ß√£o a v√°rias doen√ßas, aumentando os riscos de contamina√ß√£o da popula√ß√£o, afirma o promotor. Ele explica que essa situa√ß√£o motivou a propositura de uma outra a√ß√£o para obrigar o munic√≠pio a construir um aterro sanit√°rio.

(Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO РFotos: acervo da Promotoria de Justiça de Goiandira)

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA