ÔĽŅ

CATEGORIA: Sem categoria

E a cada dia que passa fica mais difícil a situação do Crac para a sequencia do Campeonato Brasileiro da Série C. Depois da saída do presidente executivo Elson Barboza e do vice-presidente Batista Inácio, nesta quinta-feira o elenco se manifestou.

Em entrevista a imprensa local, o elenco do Leão do Sul deu um prazo até hoje sexta-feira (04), para o presidente quitar o salário do mês de maio, caso o contrário, eles vão embora para suas casas e só retornam quando o dinheiro sair.

O Crac volta atuar pelo Campeonato Brasileiro da Série C no dia 20 de julho, contra o Salgueiro, no Estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro, ás 16 horas.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Nesta ultima quinta-feira, dia (03), durante a realização da Operação Saturação tivemos veículo recuperado e flagrante de tráfico de drogas em Catalão.

Por volta de 12h00min, foi furtado um veículo, na Vila União, e às 13h00min, a equipe integrada pelo CB Oscar e SD  Maxswuell, localizaram o mesmo no Bairro Mãe de Deus. Sendo assim, acionaram a vítima devolvendo o veículo para o seu proprietário.

Às 22h00min, no Bairro Pontal Norte, a VTR 6500, composta pelo Sargento Cileibio e Soldado Henrique, surpreenderam 04 (quatro) indivíduos fazendo uso de drogas.

Durante a abordagem verificou-se que os mesmos além de usarem, portavam entorpecentes, e que 02 (dois) deles eram menores de idade, sendo um desses menores o traficante. Dessa forma, os agressores da sociedade foram encaminhados à Delegacia de Polícia para as providências cabíveis.

 

Fonte: 1¬™ CIA – 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na ultima quinta-feira (03), no Bairro São José em Catalão, aproximadamente às 15h00min, a equipe integrada pelo Sargento Henrique e Cabo Wisley prenderam em flagrante delito um indivíduo que havia furtado uma residência recuperando todos os objetos.

A equipe contou com a participação fundamental de um Policial Militar que estava de folga, que percebendo a situação, deu início ao acompanhamento do autor, repassando os dados necessários para que o agressor da sociedade fosse identificado e preso.

Dessa forma, o autor do furto foi encaminhado à Delegacia onde foi autuado em flagrante pelo crime de furto em residência.

Fonte: 1¬™ CIA ‚Äď 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

No dia 03/07/2014, quinta-feira, às 19h30min, durante monitoramento do Serviço de Inteligência e Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), a equipe deste, composta pelo Sargento Bruno, Cabo Campos e Soldado David, abordaram e efetuaram a prisão de um foragido da justiça, no Bairro Jardim Brasília. O mesmo é natural de Brasília/DF, e possui passagens pelos crimes de Homicídio, Cárcere Privado e Lesão Corporal. Assim, a PM retira mais indivíduo de alta periculosidade das ruas de Catalão/GO. Dessa forma, foi encaminhado à Delegacia de Polícia, e posteriormente ao presídio local.

Fonte: 1¬™ CIA ‚Äď 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

A devo√ß√£o ao Divino Esp√≠rito Santo motivou o carpinteiro Denis Wilson, de¬†Catal√£o, a dedicar dois meses de trabalho √† restaura√ß√£o de um carro de boi fabricado pelo bisav√ī dele em 1942. A tarefa teve como objetivo participar do desfile de carreiros realizado na Festa do Divino Pai Eterno em Trindade, na Regi√£o Metropolitana de Goi√Ęnia, nesta quinta-feira (3).

Esta √© a 5¬™ vez que Denis participa do desfile. Por√©m, para ele a romaria deste ano tem um valor especial. ‚ÄúEle [o bisav√ī] construiu esse carro e eu sempre tive vontade de botar ele para rodar de novo‚ÄĚ, afirma o carpinteiro.

Al√©m do carro, todos os acess√≥rios que um carreiro precisa para a jornada tamb√©m foram renovados. A exce√ß√£o √© um chifre onde √© guardado o azeite de mamona, √≥leo que lubrifica o eixo do carro de boi e garante a sonoridade caracter√≠stica deste tipo de ve√≠culo. ‚ÄúBanha de porco tamb√©m √© bom, mas n√≥s gostamos do azeite porque √© mais macio para o carro cantar‚ÄĚ, afirma o carreiro Heleno Camilo Alves.

Fonte: G1

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Mulher teria sido infectada pelo v√≠rus em viagem a Rep√ļblica Dominicana.
Doen√ßa tem sintomas similares √† dengue, como febre e dor nas articula√ß√Ķes.

Segundo apura√ß√Ķes feitas pelo G1, uma moradora de¬†Goi√Ęnia¬†de 34 anos pode ser a primeira pessoa de Goi√°s a contrair a febre chikungunya, doen√ßa viral semelhante √† dengue. Segundo a diretora de vigil√Ęncia da Secretaria Municipal de Sa√ļde (SMS), Fl√ļvia Amorim, o maior ind√≠cio de que se trata da infec√ß√£o √© o fato de a paciente ter sentido os sintomas durante uma viagem √† Rep√ļblica Dominicana. ‚ÄúNo Caribe est√° acontecendo um surto da doen√ßa, com milhares de pessoas contaminadas. Ent√£o suspeitamos que ela tamb√©m tenha contra√≠do o v√≠rus‚ÄĚ, explicou ao¬†site.

A doen√ßa causa fortes dores de cabe√ßa, prostra√ß√£o, diarreia, v√īmitos, febre alta e dor nas articula√ß√Ķes, principalmente nos p√©s e nas m√£os. Apesar dos sintomas semelhantes aos da dengue, pessoas diagnosticadas com febre chikungunya podem demorar meses para se recuperar.

A paciente chegou ao pa√≠s em 16 de julho. Segundo Fl√ļvia Amorim, a mulher, que viajava sozinha, informou aos comiss√°rios da aeronave que n√£o estava passando bem. Assim, ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP), ela foi atendida.

‚ÄúA situa√ß√£o foi repassada √† Ag√™ncia Nacional de Vigil√Ęncia Sanit√°ria [Anvisa], que avisou √† secretaria que tinha uma paciente com suspeita da doen√ßa que chegaria a Goi√Ęnia. Nossa equipe foi ao aeroporto busc√°-la. O Servi√ßo de Atendimento M√≥vel de Urg√™ncia [Samu] a encaminhou ao Centro de Assist√™ncia Integral √† Sa√ļde [Cais]¬† Vila Nova devido √† proximidade com o aeroporto. Ela foi examinada e coletamos material para dengue e outras doen√ßas de diagn√≥stico diferencial‚ÄĚ, relatou a representante da secretaria.

As amostras colhidas foram enviadas ao Instituo Evandro Chagas, localizado no Par√°, que √© refer√™ncia neste tipo de exame. Fl√ļvia afirmou que n√£o h√° previs√£o de quando sair√° o diagn√≥stico da viajante.

De acordo com a diretora de vigil√Ęncia, ap√≥s passar pelo atendimento no Cais, a paciente foi liberada. ‚ÄúUma equipe tem feito o monitoramento, visitas domiciliares e exames de acompanhamento. Ela est√° passando bem‚ÄĚ, relatou Fl√ļvia.

Transmiss√£o

Como o v√≠rus √© transmitido por duas esp√©cies de mosquito, o¬†Aedes aegypti, que tamb√©m transmite a dengue, e o¬†Aedes albopictus, que √© encontrado na zona rural, a Secretaria de Sa√ļde, ao ter conhecimento do estado da paciente, realizou o procedimento de bloqueio de transmiss√£o na casa da v√≠tima, antes mesmo de que ela chegasse √† capital. ‚ÄúVistoriamos o local para eliminar poss√≠veis criadouros do vetor e assim evitar que um mosquito a pique e transmita a doen√ßa‚ÄĚ, explicou Fl√ļvia.

Conforme a diretora de vigil√Ęncia, o per√≠odo de transmissibilidade da doen√ßa dura de cinco a dez dias ap√≥s o in√≠cio dos sintomas. Durante este intervalo, a orienta√ß√£o da secretaria era de que a paciente n√£o deixasse a resid√™ncia. N√£o h√° vacina nem rem√©dio para cura da doen√ßa, apenas para diminuir os sintomas.

Ainda não há registro de pessoas infectadas no Brasil, pois as ocorrências se deram por casos de pessoas que viajaram para outros países e contraíram a doença. Uma vez que a pessoa é infectada pelo chikungunya e se recupera, ela se torna imune à doença.

A diretora de vigil√Ęncia orienta √†queles que viajarem a pa√≠ses da Am√©rica Central ou da √Āfrica e apresentarem sintomas parecidos com a dengue a procurar uma unidade de sa√ļde. ‚ÄúComo os sintomas s√£o praticamente os mesmos, o paciente pode fazer confus√£o entre chikungunya e dengue. A pessoa n√£o deve se automedicar e precisa procurar uma unidade de sa√ļde o mais r√°pido poss√≠vel e comunicar ao m√©dico que se deslocou desses pa√≠ses‚ÄĚ, orienta Fl√ļvia.

 Fonte: G1 

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
As Pol√≠cias Civil e Militar encontraram um cr√Ęnio humano √†s margens da BR-050 pr√≥ximo ao km 305 nesta quarta-feira (2).¬†Segundo informa√ß√Ķes da Pol√≠cia Civil o caso est√° sob investiga√ß√£o tanto da Pol√≠cia quanto da per√≠cia do IML para tentar descobrir se foi um crime, como foi cometido e h√° quanto tempo. Em seguida iniciar√£o procedimentos para tentar identificar a v√≠tima procurando por familiares e por pessoas desparecidas.
Foto enviada por internauta.

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail

Na tarde de ontem quarta-feira (02), por volta de 17h00min, durante de monitoramento de um ponto de drogas no Bairro Santo Ant√īnio em Catal√£o, uma equipe do GPT, abordaram uma motocicleta Honda CG 125 kS, de cor verde, que era conduzida por um indiv√≠duo em atitude suspeita.

Ap√≥s consulta do nome abordado no Conselho Nacional de Justi√ßa ‚Äď CNJ, ¬†foi constatado que havia Mandado de Pris√£o em aberto, expedido pela comarca de Uberl√Ęndia/MG, pelo cometimento do crime de Apropria√ß√£o Ind√©bita. Assim, foi encaminhado √† Delegacia de Pol√≠cia, e posteriormente ao pres√≠dio local.

Fonte: 1¬™ CIA ‚Äď 18¬ļ BPM

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

A partir da pr√≥xima segunda-feira, 07 de julho, a MGO Rodovias passa a oferecer aos usu√°rios da BR-050 (GO/MG) servi√ßos gratuitos de socorro mec√Ęnico, atendimento m√©dico/pr√©-hospitalar, inspe√ß√£o de tr√°fego, combate a focos de inc√™ndio e apreens√£o de animais, realizados por equipes especializadas que somam 270 profissionais. Nesta semana, de 30/06 a 06/07, os servi√ßos est√£o em fase de testes e ajustes, para entrarem plenamente em opera√ß√£o no dia 7.

Atuando em toda a extens√£o da BR-050 sob concess√£o (436,6 quil√īmetros), durante 24 horas, todos os dias da semana, o Servi√ßo de Atendimento ao Usu√°rio da concession√°ria conta com 10 ve√≠culos de inspe√ß√£o de tr√°fego para monitora√ß√£o da rodovia, 9 guinchos leves, 4 guinchos pesados, 6 ambul√Ęncias de resgate e 3 ambul√Ęncias UTI com m√©dicos, 3 caminh√Ķes-boiadeiro para apreens√£o de animais e 3 caminh√Ķes-pipa para combater focos de inc√™ndio, totalizando 38 ve√≠culos, al√©m de ve√≠culos de apoio operacional.

Socorro Mec√Ęnico

O servi√ßo de Socorro Mec√Ęnico da MGO Rodovias √© prestado por 76 profissionais de equipes treinadas e capacitadas em mec√Ęnica para efetuar pequenos reparos nos ve√≠culos com problemas na rodovia. Caso n√£o seja poss√≠vel resolv√™-los, utilizam os 4 guinchos leves e 9 guinchos pesados da frota para remo√ß√£o dos ve√≠culos em pane ou acidentados para locais de apoio mais pr√≥ximos, como postos de servi√ßos,¬† onde os usu√°rios ter√£o condi√ß√£o de seguran√ßa e meios de comunica√ß√£o para providenciar recursos pr√≥prios adequados.

O guincho leve √© um caminh√£o, com cabine dupla para sete passageiros, equipado com plataforma hidr√°ulica para transportar ve√≠culos leves danificados ou com defeito at√© o posto de servi√ßo mais pr√≥ximo na rodovia. J√° os guinchos pesados t√™m recursos apropriados ao transporte de ve√≠culos de grande porte, como caminh√Ķes, √īnibus e similares, adotando o mesmo procedimento operacional dos leves. Possuem tamb√©m sistema hidr√°ulico para destombamento e i√ßamento de ve√≠culos tombados na via. Ambos ficam posicionados e em prontid√£o nas 9 bases operacionais instaladas ao longo da rodovia e s√£o acionados pelo CCO ‚Äď Centro de Controle Operacional para o atendimento aos usu√°rios.

Socorro Médico

O servi√ßo de Resgate/Atendimento Pr√©-hospitalar ‚Äď APH da MGO Rodovias √© prestado por equipes de profissionais da √°rea m√©dica, com 117 integrantes, que recebem treinamento espec√≠fico para o atendimento de emerg√™ncias como desencarceramento de

vítimas presas nas ferragens, resgate em altura, etc. em rodovias e têm supervisão e orientação permanente de um médico regulador.

Dispon√≠vel nas 24 horas do dia, ininterruptamente, o servi√ßo conta com 6 ambul√Ęncias do tipo C e 3 do tipo D. A ambul√Ęncia-resgate C √© uma viatura mista de resgate e primeiros socorros, equipada¬† com ferramental especial para retirada de¬† v√≠timas presas nas ferragens, extintores, alavancas para remo√ß√£o de fios el√©tricos, etc. e com equipamentos m√©dicos para imobiliza√ß√£o e remo√ß√£o da v√≠tima. J√° a ambul√Ęncia D ‚Äď Suporte avan√ßado¬†√© um¬†ve√≠culo com equipamento de suporte avan√ßado a vida, como respirador mec√Ęnico, desfibrilador card√≠aco, e estrutura para realiza√ß√£o de interven√ß√Ķes cir√ļrgicas emergenciais.

Inspeção de Tráfego

O servi√ßo de Inspe√ß√£o de Tr√°fego disp√Ķe de 10 viaturas, utilit√°rios 4 x 2, que circulam por todo o trecho sob concess√£o da rodovia ininterruptamente, com o objetivo de detectar quaisquer tipos de ocorr√™ncias, tanto na pista quanto na faixa de dom√≠nio,¬†e situa√ß√Ķes anormais que possam prejudicar o tr√°fego na rodovia.

As principais atribui√ß√Ķes dos inspetores de tr√°fego s√£o: o monitoramento das condi√ß√Ķes da rodovia, a fiscaliza√ß√£o da faixa de dom√≠nio; o atendimento aos usu√°rios; a atua√ß√£o direta na libera√ß√£o de pista, em caso de acidente, assim como o registro do ocorrido; a sinaliza√ß√£o de tr√°fego e a verifica√ß√£o das condi√ß√Ķes de seguran√ßa das obras na rodovia,¬†objetivando manter a seguran√ßa e a fluidez da via.

Uma vez detectada uma ocorr√™ncia, a equipe de inspe√ß√£o presta aux√≠lio inicial no local e, via r√°dio, aciona o CCO ‚Äď Centro de Controle Operacional para mobiliza√ß√£o de outros recursos operacionais, quando necess√°rios.

 Combate a incêndios

A MGO Rodovias disp√Ķe de 3 caminh√Ķes-pipa ou irrigadeiras, com tanque de 15 mil litros para transporte de √°gua,¬†equipados com moto-bomba e sistema de bicos de limpeza frontais, mangueira de combate a inc√™ndio, torre com canh√£o direcional de √°gua com alcance de 60 metros de dist√Ęncia e sistema misturador para inje√ß√£o de espuma para combate a inc√™ndios. O operador do caminh√£o-pipa tamb√©m d√° apoio √†s equipes do Corpo de Bombeiros, que s√£o acionadas pelo CCO, evitando o alastramento dos inc√™ndios at√© sua chegada. Al√©m disso, d√° suporte em servi√ßos de orienta√ß√£o de tr√°fego ou atendimentos de incidentes, contribuindo para a seguran√ßa dos usu√°rios.

Apreens√£o de animais

Equipes especializadas da concession√°ria utilizam 3 caminh√Ķes-boiadeiro para a apreens√£o e remo√ß√£o de animais que se encontrarem na pista e faixa de dom√≠nio da rodovia, colocando em situa√ß√£o de risco os usu√°rios.

Caminh√Ķes-boiadeiro s√£o carretas com estrutura tipo ‚Äúgaiola‚ÄĚ, com 2 compartimentos interligados e tampa basculante para propiciar a entrada/sa√≠da dos animais. Possuem tamb√©m sistema de guindauto para apoio a remo√ß√£o e i√ßamento de cargas na pista.

A inspeção de tráfego também procura solucionar o problema, retirando os animais da área de circulação e devolvendo-os ao seu lugar de origem. Se houver cercas quebradas, estas são reparadas com os materiais à disposição na viatura. Quando possível, procura identificar o proprietário do animal e informá-lo de sua responsabilidade civil e criminal no caso de acidentes.

Bases Operacionais Provisórias

As equipes e viaturas do Serviço de Atendimento ao Usuário estão de prontidão nas 24 horas do dia em 9 Bases Operacionais (BSOs), inicialmente provisórias, implantadas pela concessionária em pontos estratégicos da rodovia (veja o quadro). Nessas bases, as equipes são acionadas por sistema de rádio pelo Centro de Controle Operacional da MGO e se deslocam para atender rapidamente os usuários em situação de emergência no trecho sob concessão da BR-050.

As Bases Operacionais (BSOs) definitivas est√£o sendo constru√≠das pela MGO e contar√£o com instala√ß√Ķes de atendimento aos usu√°rios, com totens eletr√īnicos, funcionando 24 horas, todos os dias do ano. Elas ter√£o, tamb√©m, estacionamento, banheiros, frald√°rio, √°gua pot√°vel, √°rea de descanso e telefone p√ļblico.

 

BASES OPERACIONAIS PROVIS√ďRIAS

LOCALIZAÇÃO NA BR-050

 

BSO 01 ‚Äď KM 125 + 400 NORTE ‚Äď Ipameri

BSO 02 ‚Äď KM 148 SUL ‚Äď Campo Alegre de Goi√°s

BSO 03 ‚Äď KM 210 SUL‚Äď Campo Alegre de Goi√°s

BSO 04 ‚Äď KM 269 SUL ‚Äď Catal√£o

BSO 05 ‚Äď KM 313 + 500 NORTE ‚Äď Cumari

BSO 06 ‚Äď KM 38 NORTE ‚Äď Araguari

BSO 07 ‚Äď KM 85 SUL ‚Äď Uberl√Ęndia

BSO 08 ‚Äď KM 135 + 985 SUL ‚Äď Uberaba

BSO 09 ‚Äď KM 161 + 500 NORTE ‚Äď Uberaba

 

Obras de recuperação, melhorias e ampliação da rodovia

Essenciais para a moderniza√ß√£o da infraestrutura regional, as obras e melhorias f√≠sicas e operacionais que est√£o sendo realizadas pela MGO Rodovias ter√£o reflexo direto na qualidade do transporte rodovi√°rio em Goi√°s e no Tri√Ęngulo Mineiro, com a melhoria da BR-050 nos aspectos de seguran√ßa, fluidez, economia e conforto. A rodovia √© uma das principais vias de liga√ß√£o entre o Distrito Federal e S√£o Paulo, cortando munic√≠pios de atividade agroindustrial e com√©rcio atacadista.

Em 30 anos de concess√£o, a MGO Rodovias vai investir R$ 3,03 bilh√Ķes na BR-050. Desse total, R$ 2,38 bilh√Ķes destinam-se a interven√ß√Ķes estruturais no pavimento e melhorias funcionais e operacionais e R$ 650 milh√Ķes especificamente para duplica√ß√Ķes.

Muitas das principais obras ser√£o conclu√≠das at√© o final do 5¬ļ ano de concess√£o. A¬†duplica√ß√£o de 218,5 quil√īmetros da rodovia √© a maior delas, sendo que 10% desse total (cerca de 22 quil√īmetros), por contrato, devem ser terminados em no m√°ximo 18 meses (junho de 2015), embora a MGO pretenda duplicar esse trecho at√© o final do 1¬ļ trimestre de 2015. Somente ap√≥s concluir essa etapa e os trabalhos iniciais previstos no contrato a concession√°ria iniciar√° a cobran√ßa de ped√°gio.

Simultaneamente √† duplica√ß√£o, a MGO Rodovias implantar√° 30 interse√ß√Ķes (dentre elas um trevo e cinco retornos operacionais); 7 passarelas e 8 melhorias em acessos. At√© o final do 6¬ļ ano do contrato, ser√£o implantados tamb√©m 22,4 quil√īmetros de vias marginais em travessias urbanas.

A concessionária estima que serão gerados 2 mil empregos temporários indiretos durante a execução das obras e para a operação da rodovia terá um quadro de 900 funcionários próprios e terceirizados.

Sobre a MGO Rodovias ‚ÄstA Concession√°ria de Rodovias Minas Gerais Goi√°s S.A.¬†assinou contrato de concess√£o de 30 anos com a ANTT ‚Äď Ag√™ncia Nacional de Transportes Terrestres em 5 de dezembro de 2013 e, a partir de 8 de janeiro, assumiu a responsabilidade pela administra√ß√£o, recupera√ß√£o, conserva√ß√£o, manuten√ß√£o,¬†amplia√ß√£o¬†e opera√ß√£o¬†da BR-050 (GO/MG), no trecho de¬†436,6 quil√īmetros¬†que come√ßa no entroncamento com a BR-040, em Cristalina (GO), e se estende at√© a divisa de Minas Gerais com S√£o Paulo, no mun√≠cipio de Delta.¬†Em sua extens√£o, abrange 9 munic√≠pios, sendo 5 em Goi√°s (Cristalina, Ipameri, Campo Alegre de Goi√°s, Catal√£o e Cumari) e 4 em Minas Gerais (Araguari, Uberl√Ęndia, Uberaba e Delta).¬†

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Vagas de Emprego

* AJUDANTE DE ELETRICISTA

* AJUDANTE DE PIZZAIOLO

* ALINHADOR DE PNEUS

* ATENDENTE DE BALCÃO

* AUXILIAR DE ALMOXARIFADO

* AUXILIAR DE COZINHA

* AUXILIAR DE JARDINAGEM

* AUXILIAR DE LIMPEZA

* AUXILIAR DE PEDREIRO

* AUXILIAR ADMINISTRATIVO (FEMININO | COM EXP.)

* BAB√Ā

* BALCONISTA DE AÇOUGUE

* CABELEIREIRO ESCOVISTA

* CALDEIREIRO DE MANUTENÇÃO

* CASEIRO

* CHAPA DE CAMINHÃO

* CHEFE DE COZINHA

* COSTUREIRA EM GERAL

* COZINHEIRO DE RESTAURANTE

* CUMIM (ATENDE E SERVE CLIENTES EM RESTAURANTES)

* EMPREGADO DOM√ČSTICO NOS SERVI√áOS GERAIS

* EMPREGADO DOM√ČSTICO DIARISTA

* ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO

* ESTOQUISTA

* FARMACÊUTICO

* FRENTISTA

* GARÇOM OU GARÇONETE

* GERENTE COMERCIAL (DESEJ√ĀVEL QUE J√Ā TENHA TRABALHADO COM TELEFONIA)

* GERENTE DE ESTUDOS E PROJETOS

* INSTALADOR DE INSULFILM

* JARDINEIRO

* LAVADOR DE √ĒNIBUS

* LUBRIFICADOR INDUSTRIAL

* MANICURE

* MEC√āNICO DE AUTOM√ďVEL

* MEC√āNICO DE MANUTEN√á√ÉO DE M√ĀQUINAS INDUSTRIAIS

* MEC√āNICO DE VE√ćCULOS

* MENSAGEIRO

* MOTORISTA DE √ĒNIBUS URBANO

* MOTORISTA ENTREGADOR

* MOTOTAXISTA

* OFFICE-BOY

* OPERADOR DE ACABAMENTO (IND√öSTRIA GR√ĀFICA)

* OPERADOR DE CAIXA

* OPERADOR DE EMBALAGEM, A M√ĀQUINA (MAGIC PLASTIC)

* PASSADOR DE ROUPAS, √Ā M√ÉO.

* PEDICURE

* PEDREIRO

* RECEPCIONISTA SECRET√ĀRIA

* SERRALHEIRO

* SOLDADOR

* TRABALHADOR RURAL

* T√ČCNICO EM GEST√ÉO DO MEIO AMBIENTE

* T√ČCNICO EM SEGURAN√áA DO TRABALHO

* VENDEDOR INTERNO (DESEJ√ĀVEL EXP. EM AUTOPE√áAS)

* VENDEDOR PRACISTA

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
CATEGORIA: Notícias

Nesta quarta-feira (2), um inc√™ndio avassalador destruiu parte da vegeta√ß√£o de um loteamento ao lado da mata do Setor Universit√°rio. A √°rea possui cerca de 25 mil metros e a √°rea destru√≠da foi de 10 mil metros, segundo informa√ß√Ķes do Corpo de Bombeiros.

Um aceiro que margeava a mata foi insuficiente para conter o fogo que ameaçava passar para o local. A equipe do Corpo de Bombeiros composta pelo SGT. Eli,  Sd. Diniz,  Sd. Adriana e  Sd. F Ramos foi acionada e depois de realizadas técnicas de fogo contra fogo, isolamento de área com linhas molhadas e abafadores o incêndio foi combatido.

O fogo se espalhou muito rápido e além de destruir a vegetação matou animais que não conseguiram fugir a tempo das chamas, como cobras que morreram carbonizadas.
Ainda não se sabe quem provocou a queimada que segundo a Lei n. 9.605 /98,  Lei de Crimes Ambientais é crime e pode ser tipificada em vários artigos com penas variáveis. 
Fonte : Portal Catal√£o

COMPARTILHE:
Compartilhar em seu TwitterEnviar via E-mail
SUBIR P√ĀGINA